Saiba mais...                          Periódicos indexados

Base de dados : INDEXPSI
Pesquisa : REVISTA BRASILEIRA DE CRESCIMENTO E DESENOVLVIMENTO HUMANO (todos os anos)
Referências encontradas : 656 [refinar]
Mostrando: 1 .. 40   no formato [Detalhado]

página 1 de 17 ir para página                         

  1 / 656 INDEXPSI  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:50299
Autor:Altafim, Elisa Rachel Pisani; Rodrigues, Olga Maria Piazentin Rolim.
Título:Maternal educational practices during the first year of life / Práticas educativas maternas no primeiro ano de vida.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;25(3):257-262, 2015 tab.
Resumo em inglês: INTRODUCTION: The strategies used by parents in education and childcare play a major role in the child's development and health OBJECTIVE: To describe and analyse the maternal educational practices during the first year of life METHODS: A total of 250 mothers of infants between 1-12 months participated in the study. The data was collected using the Parental Styles Inventory for Mothers of Babies (IEPMB RESULTS: Mothers used the positive parenting practice: Monitoring Positive. However negative practices were also present in the repertoire of the participants, especially Relaxed Discipline CONCLUSION: The negative practices were not common in the behavioural repertoire of the mothers, so this phase is an appropriate stage to promote preventative interventions aimed at improving the mother-infant relationship, and therefore impacting health prevention, health promotion and child development.(AU)
Resumo em português: As estratégias utilizadas pelos pais na educação e cuidados dos filhos possuem uma função primordial no desenvolvimento e saúde infantil. A presente pesquisa pretendeu descrever e analisar as práticas educativas maternas no primeiro ano de vida. Participaram da pesquisa 250 mães com filhos no primeiro ano de vida, de um a 12 meses de idade, nas quais foi aplicado o Inventário de Estilos Parentais para Mães de Bebês. Os resultados revelaram que as mães utilizam-se com frequência da prática parental positiva Monitoria Positiva, no entanto as práticas negativas, também são presentes no repertório das participantes, principalmente a prática Disciplina Relaxada. Como a maioria das práticas negativas ainda não são freqüentes no repertório comportamental das mães, esta fase seria portanto, um ótimo momento para a realização de intervenções preventivas que visem aprimorar o relacionamento mãe-criança, e consequentemente atuar na prevenção e promoção da saúde e do desenvolvimento.(AU)
Descritores DECS:Comportamento Materno
Relações Mãe-Filho
Desenvolvimento Infantil
Saúde da Criança
Limites:Humanos
Lactente
Descritores Psi Português:RELAÇÕES MÃE-CRIANÇA
PRÁTICAS DE CRIAÇÃO INFANTIL
DESENVOLVIMENTO INFANTIL
EDUCAÇÃO INFANTIL
Descritores Psi Inglês:MOTHER CHILD RELATIONS
CHILDREARING PRACTICES
CHILDHOOD DEVELOPMENT
EARLY CHILDHOOD EDUCATION
Descritores Psi Espanhol:RELACIONES MADRE-NIÑO
DESARROLLO INFANTIL
CRIANZA DEL NIÑO
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822015000300002


  2 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:50298
Autor:Guimarães, Elaine Leonezi; Cunha, Andréa Baraldi; Mira, Daiane Munhoz; Tudella, Eloisa.
Título:Influence of short-term training on the distal adjustments of reaching in preterm infants.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;25(3):263-270, 2015 ilus, graf, tab.
Resumo em inglês: OBJECT: The purpose of the study was to investigate the influence of short-term training on distal adjustments of reaching in preterm infants with low birth weight and compare them with full-term infants METHODS: Sixteen infants at the onset of reaching were equally allocated to a: preterm group (34 weeks of gestational age) with a low birth weight (2.5kg), and control group (full-term infants). The infants were submitted to two assessments carried out on a single day: pre-training (2 minutes) and post-training (2 minutes). The preterm group received one training session under a serial practice condition and the control group received one session of social training. It was used the repeated-measures analysis of variance, with Bonferroni adjustments RESULTS: The preterm infants presented more reaches with semi-open and oblique hand compared with the full-term infants and the short-term training increased more reaches and reaches with dorsal hand CONCLUSION: We conclude that the preterm infants presented more reaches with semi-open and oblique hand compared with the full-term infants and that the short-term training was effective in providing more reaches, observed in the increase in the number of hand contacts with the object.(AU)
Resumo em português: OBJETIVO: O objetivo do estudo foi investigar a influência do treino de curta duração nos ajustes distais do alcance em lactentes pré-termo e baixo peso ao nascimento, e compará-los com lactentes a termo MÉTODOS: Dezesseis lactentes na emergência do alcance foram igualmente alocados em: grupo pré-termo ( 34 semanas de idade gestacional), e baixo peso ao nascimento ( 2,5 kg), e grupo controle (lactentes a termo). Os lactentes foram submetidos a duas avaliações realizadas em um único dia: pré-treino (2 minutos) e pós-treino (2 minutos). O grupo pré-termo recebeu uma sessão de treino (prática variada seriada) e o grupo controle recebeu uma sessão de treino social. Foi utilizada a análise de medidas repetidas de variância, com ajustes de Bonferroni RESULTADOS: Os lactentes pré-termo apresentaram mais alcances com mão semi-aberta e oblíqua em comparação com os lactentes a termo. O treino de curta duração aumentou a frequência de alcances CONCLUSÃO: Conclui-se que os lactentes pré-termo apresentaram mais alcances com mão semi-aberta e oblíqua em relação aos lactentes a termo e que o treino de curta duração foi efetivo na emergência do alcance, observando o aumento do número de contatos da mão do lactente com o objeto.(AU)
Descritores DECS:Prematuro
Desenvolvimento Infantil
Movimento
Fisioterapia
Limites:Humanos
Recém-Nascido
Lactente
Descritores Psi Português:NASCIMENTO PREMATURO
DESENVOLVIMENTO INFANTIL
PERCEPÇÃO DE MOVIMENTO
FISIOTERAPIA
Descritores Psi Inglês:PREMATURE BIRTH
CHILDHOOD DEVELOPMENT
MOTION PERCEPTION
PHYSIOTHERAPY
Descritores Psi Espanhol:NACIMIENTO PREMATURO
DESARROLLO INFANTIL
PERCEPCIÓN DE MOVIMIENTO
FISIOTERAPIA
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822015000300003


  3 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:50297
Autor:Nobre, Glauber Carvalho; Bandeira, Paulo Felipe Ribeiro; Ramalho, Maria Helena da Silva; Nobre, Francisco Salviano Sales; Valentini, Nadia Cristina.
Título:Self-perception of competence in children from socially vulnerable contexts, assisted and unassisted by social sports projects / Autopercepção de competências de crianças em situação de vulnerabilidade social assistidas e não assistidas por projetos sociais esportivos.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;25(3):271-276, 2015 tab.
Resumo em inglês: INTRODUCTION: practising sport contributes tothe reinforcement of important psychological features such as self-perception of competence, especially when participants are children from socially vulnerable contexts OBJECTIVE: to compare the socially vulnerable children's self-perception of competence, assisted and unassisted by social sports projects METHOD: a total of 235 children (male and female), aged between seven and ten years, participated in this comparative study. They were divided into two groups: one group was formed by 106 children participating in social sports projects; the other was 129 children who did not participate in social sports projects. The self-perception of competence was assessed by the Brazilian version of the Self-Perception Profile for Children. We used a three-way ANOVA to assess the possible interaction effect between gender, age and group (children assisted and unassisted) in the different dimensions of perceived competence RESULTS: The children attending sports projects reported higher overaL global self-worth (F1.234) = 6,132, p = 0.014, η² = 0.026). It was observed that there was an effect of interaction between the variable age x group (F1,234) = 6.673, p = 0.010, η² = 0.029) on the self-perception of social acceptance. There were no significant effects of group on the other dimensions of self-perception of competence CONCLUSION: the children participatingin social sports projects showed more self-perception in terms of social acceptance and self-concept compared to non participatory children. This project does not help in other dimensions of self-perception.(AU)
Resumo em português: INTRODUÇÃO: contextos de prática esportiva podem contribuir para o fortalecimento de características psicológicas importantes como a autopercepção de competência, sobretudo quando os participantes são crianças provenientes de contextos de vulnerabilidade social OBJETIVO: comparar a autopercepção de competência de crianças em situação de vulnerabilidade social, assistidas e não assistidas por projetos sociais esportivos MÉTODO: participaram deste estudo comparativo causal 235 crianças, de ambos os gêneros, com idade entre sete e 10 anos provenientes de diferentes contextos do Ceará - Brasil. As crianças foram divididas em dois grupos: Um grupo formado 106 por crianças que participavam de projetos sociais de cunho esportivo. O outro constituído por 129 crianças não assistidas por projetos sociais esportivos. A percepção de competência foi avaliada através da versão brasileira da Self-Perception Profile for Children. Utilizou-se uma análise de variância three way para avaliar o possível efeito de interação entre o gênero, idade e grupo (crianças assistidas e não assistidas) nas diferentes dimensões da percepção de competência RESULTADOS: as crianças assistidas reportaram maior auto conceito (F(1,234)) = 6,132 p = 0,014 η² = 0,026). Observou-se efeito do grupo e da idade (F(1,234)) = 6,673 p = 0,010 η² = 0,029) sobre a percepção de aceitação social. Não foram observados efeitos significativos do grupo nas demais dimensões da autopercepção de competência CONCLUSÃO: crianças participantes dos projetos sociais esportivos mostraram maior autopercepção na aceitação social e no autoconceito comparadas as crianças não participantes. Os projetos não auxiliaram no fortalecimento das outras dimensões da autopercepção. Assim, é importante refletir sobre a implementação de metodologias, em projetos dessa natureza, que contemplem o desenvolvimento da autopercepção de competência neste público.(AU)
Descritores DECS:Percepção
Esportes
Desenvolvimento Infantil
Limites:Criança
Descritores Psi Português:COMPETÊNCIA
ESPORTES
DESENVOLVIMENTO INFANTIL
AUTOPERCEPÇÃO
Descritores Psi Inglês:COMPETENCE
SPORTS
CHILDHOOD DEVELOPMENT
SELF PERCEPTION
Descritores Psi Espanhol:COMPETENCIA
DEPORTES
DESARROLLO INFANTIL
AUTOPERCEPCIÓN
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822015000300004


  4 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:50296
Autor:Tristão, Rosana Maria; Neiva, Elaine Rabelo; Barnes, Christopher R; Adamson-Macedo, Elvidina.
Título:Validation of the scale of perceived self-efficacy of maternal parenting in brazilian sample / Validação da escala percepção de autoeficácia da parentalidade materna em amostra brasileira.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;25(3):277-286, 2015 graf, tab.
Resumo em inglês: INTRODUCTION: self-efficacy matches the belief that a person has that she is able to produce the results she wants to achieve. The beliefs of self-efficacy that parents have about the baby emerge as a powerful predictor of positive parenting OBJECTIVE: this study aimed to evaluate the maternal self-efficacy behavior in hospitalized mothers and validate an instrument for measuring this concept developed and validated in England by Barnes and Adamson-Macedo, in 2007 METHOD: this cross-sectional exploratory study convenience cohort comprised 87 mothers of newborn babies, 26 premature and 61 full-term infants. The scale Perceived Maternal Parenting Self-Efficacy (PMP S-E), which consists of 20 items that represent four subscales was tested for reliability and validity RESULTS: the internal consistency of the scale PAEPM reached a value of .86, the internal consistency and reliability estimates for each of the subscales also reached acceptable values. Exploratory Factor Analysis (EFA) confirmed the validity of the construct and the scores of self-efficacy were normally distributed for both subgroups and total sample CONCLUSIONS: PMP S-E scale proved to be an easy application tool and psychometrically robust, reliable and valid for use with mothers of hospitalized new-borns both premature as the term clinically stable. It is a reliable method of identifying mothers of babies who need more support from the hospital staff.(AU)
Resumo em português: OBJETIVO: esta pesquisa se propôs a avaliar o comportamento de autoeficácia materna em mães e gestantes hospitalizadas e validar um instrumento de medida deste para este conceito elaborado e validado na Inglaterra por Barnes e Adamson-Macedo, em 2007. A autoeficáciacorresponde a crenças que uma pessoa possui de que ela é capaz de produzir os resultados que deseja alcançar. As crenças de autoeficáciaque os pais têm sobre o bebê surgem como um poderoso preditor para práticas parentais positivas MÉTODO: estudo exploratório observacional de corte de conveniência composta por mães de 87 bebês recém-nascidos, sendo 26 bebês nascidos prematuros e 61 bebês nascidos a termo.A escala de Percepção de Autoeficáciade Parentalidade Materna (PAEPM), que é composta por 20 itens que representam quatro sub-escalas, foi testada para a confiabilidade e validade RESULTADOS: a consistência interna da escala PAEPM alcançou o valor de .86, As estimativas de consistência interna e confiabilidade para cada uma das sub-escalas também atingiu valores aceitáveis. Análise Fatorial Exploratória (AFE) confirmou a validade do constructo e osescores de autoeficáciaforam normalmente distribuídos para ambos os subgrupos e amostra total CONCLUSÕES: a escala PAEPM mostrou ser uma ferramenta de fácil aplicação e psicometricamente robusta, confiável e válida para uso com mães de recém-nascidos tanto prematuros quanto a termo hospitalizados com quadro clinico estável. É um método confiável de identificação de mães de bebês hospitalizados que precisam de mais apoio das equipes hospitalares.(AU)
Descritores DECS:Cuidado do Lactente
Poder Familiar
Saúde da Criança
Estudos de Validação como Assunto
Psicometria
Limites:Humanos
Recém-Nascido
Lactente
Descritores Psi Português:PARENTALIDADE´
SAÚDE INFANTIL
COMPORTAMENTO DE CUIDADO DA CRIANÇA
PSICOMETRIA
Descritores Psi Inglês:CHILD HEALTH
CHILD CARE
PSYCHOMETRICS
Descritores Psi Espanhol:SALUD INFANTIL
CONDUCTA DE CUIDADO DEL NIÑO
PSICOMETRÍA
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822015000300005


  5 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:50295
Autor:Bello, Fernanda Paixão Silveira; Chagas, Nathália Bordeira; Pinto, Vera Lúcia Martins; Camargo, Liamaura Levy de Andrade Leite; Demarzo, Marcelo Marcos Piva; Germano, Carla Maria Ramos.
Título:Parental awareness of overweight and obesity: an exploratory study addressing low-income adolescents in Brazil / Conscientização dos pais sobre o estado nutricional de seus filhos: estudo exploratório em adolescentes de baixa renda no Brasil.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;25(3):287-291, 2015 tab.
Resumo em inglês: OBJECTIVE: To evaluate parental awareness and management of overweight and obesity in a sample of low income adolescents registered in a primary health care center (PHCC) in Brazil METHOD: Among adolescents registered in the PHCC, 142 agreed to participate in this study and their body mass index was calculated. Unaware of the anthropometric data, parents were visited at home and asked to select a descriptor for their offspring's body weight (underweight, about right, overweight, and obese RESULTS: Seventeen adolescents were classified as overweight (12.0%) and 14 as obese (10.0%). Among 17 overweight adolescents, 13 (76.5%) were accurately identified by their parents in that condition, and among 13 obese adolescents, 12 (92.3%) were. Three parents of overweight (23.1%) and five parents (41.6%) of obese adolescents tried to manage their offspring's weight problem with a healthcare provider support CONCLUSIONS: Despite the fact that parental recognition was relatively high in this population, our data revealed a low demand for interventionsto reverse the adolescent's overweight and obesity.(AU)
Resumo em português: OBJETIVO: Avaliar o reconhecimento e o manejo por parte dos pais frente a situações de sobrepeso e obesidade de adolescentes MÉTODO: Entre os adolescentes de baixa renda cadastrados em um centro de atenção primária à saúde no Brasil, 142 tiveram seu índice de massa corporal calculado. Sem terem conhecimento dos dados antropométricos, os pais foram solicitados a selecionar um descritor para o peso corporal de seus filhos (baixo peso, peso adequado, sobrepeso e obeso RESULTADOS: Dezessete adolescentes foram classificados como sobrepeso (12.0%) e 14 como obesos (10.0%). Entre os 17 adolescentes com sobrepeso, 13 (76.5%) foram corretamente identificados por seus pais e, entre 13 adolescentes obesos, 12 (92.3%) foram identificados como tal. Três pais de adolescentes com sobrepeso (23.1%) e cinco pais (41.6%) de adolescentes obesos procuraram a ajuda de um profissional de saúde para tratarem o problema de peso de seus filhos CONCLUSÕES: O reconhecimento dos pais foi relativamente alto, porém, houve uma baixa demanda por intervenções que pudessem reverter o sobrepeso e a obesidade dos adolescentes.(AU)
Descritores DECS:Sobrepeso
Obesidade
Atenção Primária à Saúde
Estado Nutricional
Limites:Humanos
Adolescente
Descritores Psi Português:PESO DO CORPO
OBESIDADE INFANTIL
DISTÚRBIOS DO ATO DE COMER
Descritores Psi Inglês:BODY WEIGHT
OBESITY IN CHILDREN
EATING DISORDERS
Descritores Psi Espanhol:PESO DEL CUERPO
OBESIDAD INFANTIL
TRASTORNOS DE LA INGESTIÓN DE ALIMENTOS
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822015000300006


  6 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:50294
Autor:Gução, Ana Claudia Bianco; Romero, Ana Carla Leite; Lemes, Franciny Luque; Regaçone, Simone Fiuza; Valenti, Vitor Engracia; Frizzo, Ana Cláudia Figueiredo.
Título:Auditory brainstem responses: stimulus variations.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;25(3):292-296, 2015 tab.
Resumo em inglês: INTRODUCTION: Auditory brainstem response is a response to external stimulation that represents the neural electrophysiological activity of the auditory system at the brainstem level. Variations due to the change in the presentation of stimuli help in the diagnosis of clinical conditions that affect the auditory nervous system OBJECTIVE: To characterize and compare the different polarity variations stimuli and presentation rates in adults with normal hearing METHODS: We investigated 20 students from a Center for Diagnosis and Rehabilitation, with no hearing impairment, all female aged 15-30 years old, who were screened for brainstem auditory evoked potential, which presented stimuli in different polarities ranges, including condensation and rarefaction in different presentation rates of 21.7, 27.7 and 47.7 stimuli per second RESULTS: We observed lower values of latencies of wave I in the three rates of stimulus presentation and wave V at the rate of 21.7/sec. rarefact when used, and also on the right ear and the same polarity , the gap interpeak I - III also had lower values for rates of introduction, as in the IR range the rate of 21.7/s. In overall comparison of groups in different polarities of stimulation, there was a significant difference only in rarefact CONCLUSION: The understanding of the behavior of the electrophysiological response to variations of the stimulus is important and may serve as a reference for normal use of these measures in clinical practice.(AU)
Resumo em português: INTRODUÇÃO: potencial evocado auditivo é uma resposta a um estímulo externo que representa a atividade eletrofisiológica do sistema auditivo em nível do tronco cerebral. Variações devido à alteração na apresentação de estímulos ajudam no diagnóstico de condições clínicas que afetam o sistema nervoso auditivo. : Caracterizar e comparar as diferentes variações de polaridade de estímulos e as taxas de apresentação em adultos com audição normal MÉTODO: foram investigados 20 estudantes de um centro de diagnóstico e de reabilitação, sem deficiência auditiva, todos do sexo feminino com idade de 15-30 anos de idade, que foram selecionados para potencial evocado auditivo de tronco cerebral, que apresentou estímulos em diferentes polaridades varia, incluindo a condensação e rarefação em diferentes taxas de apresentação de 21,7, 27,7 e 47,7 estímulos por segundo RESULTADOS: foram observados menores valores de latências da onda I nas três taxas de apresentação do estímulo e da onda V a uma taxa de 21,7 / seg. Em polaridade rarefeita, quando utilizado, e também sobre a orelha direita e a mesma polaridade, o fosso intérpico I - III tinha também apresentou valores mais baixos para as taxas, como na gama de IV a taxa de 21,7/s. Na comparação geral dos grupos em diferentes polaridades de estimulação houve diferença significativa apenas na polaridade rarefeita CONCLUSÃO: a compreensão do comportamento de resposta a variações eletrofisiológicas de estímulo é importante e pode servir como uma referência para o uso destas medidas na prática clínica.(AU)
Descritores DECS:Audição
Sistema Nervoso
Audiometria de Resposta Evocada
Potenciais Evocados Auditivos do Tronco Encefálico
Limites:Humanos
Feminino
Descritores Psi Português:PERCEPÇÃO AUDITIVA
SISTEMA NERVOSO
ESTIMULAÇÃO AUDITIVA
AUDIOMETRIA
Descritores Psi Inglês:AUDITORY PERCEPTION
NERVOUS SYSTEM
AUDITORY STIMULATION
AUDIOMETRY
Descritores Psi Espanhol:PERCEPCIÓN AUDITIVA
SISTEMA NERVIOSO
ESTIMULACIÓN AUDITIVA
AUDIOMETRÍA
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822015000300007


  7 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:50293
Autor:Tavares, Luis Fernando Barbosa; Bezerra, Italla Maria Pinheiro; Oliveira, Fernando Rocha; Sousa, Luiz Vinícius de Alcantara; Raimundo, Rodrigo Daminello; Sousa, Ednan Cardoso de; Adami, Fernando; Abreu, Luiz Carlos de.
Título:Knowledge of health sciences undergraduate students in objective tests on basic life support / Conhecimento de estudantes de graduação em ciências da saúde em testes objetivos sobre suporte básico de vida.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;25(3):297-306, 2015 tab.
Resumo em inglês: INTRODUCTION: Sudden Cardiac Arrest (SCA) is a serious public health problem and represents one of the leading causes of death in the world. In emergency situations the assessment of the victim and care must be effective, to reduce negative outcomes and to increase the survival rate OBJECTIVE: To analyze graduation students in the Health Sciences through objective testing on Basic Life Support (BLS METHODS: This is a descriptive, observational and cross sectional study, performed in the State of São Paulo, Brazil. The study population consisted of 664 graduation students in Medicine, Nursing, Physiotherapy, Pharmacy, Nutrition and Occupational Therapy. Data collection occurred through an instrument in the form of objective tests based on the guidelines for Basic Life Support from the American Heart Association. For analysis the Shapiro-Wilk, Chi-square, Mann-Whitney and Kruskal-Wallis tests were used. The adopted confidence level was 95%. The statistical program used was Stata 11.0 RESULT: There was found to be a prevalence of students who were female (82.23%), single (77.56%), on the physiotherapy course (53.16%), in the freshmen year (32.2%) with previous training (54.45%) and with a median age of 22 years old. When the association between the scores was analyzed according to sex, marital status, previous training, course and year of study, the relation between the number of correct answers and previous training, course and year of study showed statistically significant differences (p 0.001 CONCLUSION: 99.9% of subjects had lower score than the minimum score of 84% of Americam Heart Association, which characterizes insufficient knowledge about the basic support of life theme. Thus, there is need for continued training of health sciences students on the subject, at the undergraduate level.(AU)
Resumo em português: INTRODUÇÃO: A Parada Cardíaca Súbita (PCR) é um grave problema de saúde pública e constitui-se em uma das principais causas de morte no mundo. Em situações de emergência a avaliação da vítima e seu atendimento devem ser eficazes, permitindo a redução de sequelas e o aumento da sobrevida. : Analisar o conhecimento de estudantes de graduação em ciências da saúde em testes objetivos sobre suporte básico de vida (SBV MÉTODO: Trata-se de estudo observacional, descritivo e transversal, realizado no Estado de São Paulo, Brasil. A população do estudo foi constituída por alunos de graduação dos cursos de Medicina, Enfermagem, Fisioterapia, Farmácia, Nutrição e Terapia Ocupacional. A coleta de dados se deu através de um instrumento na forma de questionário de testes objetivos baseado nos Guidelines de atendimento para Suporte Básico de Vida da American Heart Association. Para análise utilizaram-se os testes de Shapiro-Wilk, de Qui-quadrado, Mann- Whitney e o Kruskal-Wallis. O nível de confiança adotado foi de 95%. O programa estatístico utilizado foi o Stata 11.0 RESULTADO: Houve prevalência do sexo feminino (82,23%), com estado civil solteiro (77,56%), do curso de fisioterapia (53,16%), do 1º ano (32,2%) e com treinamento prévio dos indivíduos (54,45%) e mediana de idade de 22 anos. Quando da associação entre o número de acertos segundo sexo, estado civil, treinamento prévio, curso e ano de formação, evidenciou-se a relação de número de acertos e as variáveis treinamento prévio, curso e ano de formação apresentando diferenças estatisticamente significantes (p 0,001 CONCLUSÃO: 99,9% dos indivíduos obtiveram nota menor que o escore mínimo de 84% da Americam Heart Association, o que caracteriza conhecimento insuficiente sobre a temática suporte básico de vida. Assim, há necessidade de treinamento continuado dos estudantes de Ciências da Saúde sobre o tema, em nível de graduação.(AU)
Descritores DECS:Estudantes de Ciências da Saúde
Capacitação
Conhecimento
Avaliação de Processos e Resultados (Cuidados de Saúde)
Morte Súbita Cardíaca
Limites:Humanos
Descritores Psi Português:ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS
PROCEDIMENTOS MÉDICOS
QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL
CONHECIMENTO
Descritores Psi Inglês:COLLEGE STUDENTS
MÉDICAL PROCEDURES
PROFESSIONAL QUALIFICATIONS
AWARENESS
Descritores Psi Espanhol:ESTUDIANTES UNIVERSITARIOS
PROCEDIMIENTOS MEDICOS
CONOCIMIENTO
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822015000300008


  8 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:50292
Autor:Machado, Maria de Fátima Antero Sousa; Gubert, Fabiane do Amaral; Meyer, Anya Pimentel Gomes Fernandes Vieira; Sampaio, Yana Paula Coêlho Correia; Dias, Maria Socorro de Araújo; Almeida, Ana Mattos Brito de; Morais, Ana Patrícia Pereira; Silva, Anamaria Cavalcante e; Campos, Jocileide Sales; Chagas, Maristela Inês Osawa; Chaves, Emília Soares.
Título:The health school programme: a health promotion strategy in primary care in Brazil / Programa saúde na escola: estratégia promotora de saúde na atenção básica no Brasil.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;25(3):307-312, 2015 tab.
Resumo em inglês: INTRODUCTION: the Health School Programme (HSP) should be understood as a permanent development process. In this context, the actions of a policy aimed at children and adolescentsare paramount in the HSP OBJECTIVE: to identify and describe the actions developed by the Family Health Group in the HSP, from the National Programme for ImprovingAccess and Quality of Primary Care (PIPCAQ METHODS: this cross-sectional research used secondary data collected fromthe 17,202 groups who joined PIPCAQ in 2012 RESULTS: all regions showed significant results concerning the execution of school activities. the Northern region was the one that performed most school actions (80.5%), followed by the Northeast, Midwest, South and Southeast, respectively. However, some items, such as professional training in education and health work need to be streng the ned CONCLUSION: HSP in Brazil has mobilised significant actions, even though it has not happened in homogeneously in all Brazilian regions.(AU)
Resumo em português: INTRODUÇÃO: a promoção da saúde no cenário escolar deve ser entendida como um processo em permanente desenvolvimento. Nesse contexto, destacam-se as ações do Programa Saúde na Escola, como política voltada para crianças e adolescentes OBJETIVO: identificar e descrever as ações desenvolvidas pelas Equipes de Saúde da Família (ESF) no Programa Saúde na Escola (PSE), participantes do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ MÉTODO: trata-se de uma pesquisa transversal que utilizou dados secundários coletados junto a 17.202 equipes que aderiram ao PMAQ em 2012 RESULTADO: todas as regiões apresentaram resultados expressivos acerca da realização de atividades na escola. A região Norte é a que mais executa ações ao escolar (80,5%), seguidas das regiões Nordeste, Centro-Oeste, Sul e Sudeste respectivamente. Contudo, alguns itens como a capacitação dos profissionais para trabalhar com educação e saúde precisam ser fortalecidos CONCLUSÃO: o PSE no Brasil tem mobilizado ações relevantes, mesmo que isto não tenha se dado de forma homogênea em todas as regiões brasileiras.(AU)
Descritores DECS:Atenção Primária à Saúde
Saúde Escolar
Avaliação em Saúde
Limites:Criança
Adolescente
Descritores Psi Português:PROMOÇÃO DA SAÚDE
SAÚDE INFANTIL
BEM-ESTAR DA CRIANÇA
Descritores Psi Inglês:HEALTH PROMOTION
CHILD HEALTH
CHILD WELFARE
Descritores Psi Espanhol:PROMOCIÓN DE LA SALUD
SALUD INFANTIL
BIENESTAR DEL NIÑO
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822015000300009


  9 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:50291
Autor:Santos, Fabiana Pelegrin Cogo dos; Vitta, Fabiana Cristina Frigieri De; Conti, Marta Helena Souza De; Marta, Sara Nader; Gatti, Márcia Aparecida Nuevo; Simeão, Sandra Fiorelli de Almeida Penteado; Vitta, Alberto De.
Título:Nutritional condition o f children who benefit from the "Bolsa Família" programme in a city of northwestern São paulo state, Brazil / Estado nutricional de crianças beneficiadas pelo programa Bolsa Família.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;25(3):313-318, 2015 tab.
Resumo em inglês: INTRODUTION: The direct income transfer programmes such as "BolsaFamília" have the important function of making it possible for aspects of life to receive the necessary care and importance in order to improve the quality of life. One of the aspects concerns food and healthy nutrition OBJECTIVE: The objective was to assess the nutritional condition of children under five years old whose families are benefited by the programme"BolsaFamília" in a city of northwestern São Paulo state, Brazil METHODS: A cross-sectional and retrospective study was carried out using the medical records of 284 children under the age of five, from which socio-demographic, weight and height data were collected. In order to diagnose children's nutritional condition,the indicators weight/age, height/age and weight/height were used, from the cutoffpoint z-score, recommended by the WHO Global Database on Child Growth and Malnutrition. Descriptive statistics and the Chi-square test were used to analyse data, assessing the association of indicators, gender and age RESULTS: 8.8% of the children have deficits concerning height/age and 4.2% have deficits concerning weight/age; 8.1% and 7.4% are overweight concerning weight/age and weight/height; 4.6 % of the children under 2 years oldhave higher weight than the expected for their age and also for their height, and 7.8% of the children have low height for their age. The prevalence of weight deficit and excess in children observed in this study were similar to those found in other regions of Brazil CONCLUSION: The maintenance of the nutritional surveillance system is extremely important in order to detect risk groups and help plan effective measures to prevent and correct nutritional problems.(AU)
Resumo em português: INTRODUÇÃO: os programas de transferência direta de renda, como o Bolsa Família têm a importante função de possibilitar que aspectos da vida cotidiana recebam o cuidado e importância necessários para a melhoria da qualidade de vida. Um deles diz respeito à alimentação e nutrição saudável OBJETIVO: o objetivo foi avaliar o estado nutricional em menores de cinco anos, cujas famílias são beneficiadas pelo programa "Bolsa-família" de uma cidade da região noroeste do estado de São Paulo MÉTODO: para tal, foi realizado um estudo retrospectivo e transversal com os prontuários de 284 crianças menores de cinco anos de idade, dos quais foram coletados dados sócio-demográficos, de peso e altura. Para o diagnóstico nutricional das crianças foram utilizados os indicadores Peso/Idade, Estatura/Idade e Peso/Estatura, a partir do ponto de corte por escore-z, recomendados pela WHO Global Database on Child Growth and Malnutrition. Para a análise dos dados foram utilizados os recursos da estatística descritiva e o teste de Qui-quadrado para verificar associação entre os indicadores, o sexo e a faixa etária RESULTADOS: do total de crianças 8,8% apresentam déficits no indicador estatura/idade e 4,2% no peso/idade; 8,1% e 7,4% excesso de peso na relação peso/idade e peso/estatura; 4,6% das crianças menores de 2 anos apresentaram peso elevado para idade e peso elevado para a estatura e 7,8% dessas crianças apresentaram baixa estatura para idade. A prevalência de déficit e excesso de peso população infantil observada neste trabalho foi semelhante às encontradas em outras regiões do Brasil CONCLUSÃO: é necessário a manutenção do sistema de vigilância nutricional capaz de detectar os grupos de risco e auxiliar na formulação de medidas eficientes para prevenção e correção dos problemas nutricionais.(AU)
Descritores DECS:Saúde da Criança
Antropometria
Alimentação
Nutrição da Criança
Programas e Políticas de Nutrição e Alimentação
Limites:Humanos
Lactente
Pré-Escolar
Descritores Psi Português:SAÚDE INFANTIL
ALIMENTAÇÃO INFANTIL
PROGRAMAS SOCIAIS
Descritores Psi Inglês:CHILD HEALTH
FEEDING OF CHILDREN
SOCIAL PROGRAMS
Descritores Psi Espanhol:SALUD INFANTIL
ALIMENTACIÓN INFANTIL
PROGRAMAS SOCIALES
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822015000300010


  10 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:50290
Autor:Pinasco, Gustavo Carreiro; Silva, Janine Pereira da; Almeida, Patrícia Casagrande Dias de; Silva, Valmin Ramos da; Arruda, Bárbara Farias de; Lopes, Bruna Perim; Coelho, Talita Cardoso; Abreu, Luiz Carlos de.
Título:Association between food consumption as predictor of cardiovascular risk and waist circumference increase in teenagers / Associação entre consumo alimentar de risco cardiovascular e aumento de circunferência abdominal em adolescentes.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;25(3):319-324, 2015 tab.
Resumo em inglês: INTRODUCTION: the eating habits of young people have changed significantly over the last few decades. Teenagers tend to have less than desirable intake of fruits, vegetables, dairy products and wholegrain products, and higher intake of foods high in saturated and trans fats, leading to increased waist circumference and consequent increased risk of cardiovascular disease OBJECTIVE: to analyse the relationship between dietary intake as predictor of and increased abdominal circumference in teenagers METHODS: a cross-sectional study was conducted in a sample of 818 teenagers aged between 10 and 14 years, of both genders, enrolled in state public schools in the metropolitan region of Vitória, Espirito Santo, Brazil, from August 2012 to October 2013. Waist circumference (WC) measurements were carried out in duplicate and the arithmetic mean was calculated. The dietary intake was identified from a simplified food questionnaire containing foods whose consumption is high or that present excessive risk of coronary heart disease in teenagers. The statistical analysis was done through Pearson's chi-squared test RESULTS: a proportion of 55.9% of the sample had an adequate food intake, 15.6% a high intake and 28.5% an excessive intake. Among teenagers who had an adequate, high and excessive dietary intake, 5.6% (N = 46), 1.1% (N = 9) and 2.6% (N = 21) had increased WC, respectively. The result of the chi-squared test indicated no association between dietary intake as predictor of cardiovascular risk and WC, p-value = 0.576 CONCLUSION: there was no association between dietary intake presenting cardiovascular risk and increased waist circumference.(AU)
Resumo em português: INTRODUÇÃO: os hábitos alimentares dos jovens mudaram significativamente ao longo das últimas décadas. Estes tendem a ter ingestão de frutas, legumes, laticínios, produtos integrais, menor que a desejável, e maior ingestão de alimentos ricos em gorduras saturadas e trans, propiciando aumento da circunferência abdominal e consequente aumento de risco de doenças cardiovasculares OBJETIVO: analisar a relação entre o consumo alimentar de risco cardiovascular e o aumento da cincunferência abdominal em adolescentes MÉTODO: estudo transversal, realizado em amostra de 818 adolescentes de dez a 14 anos, de ambos os sexos, matriculados em escolas da rede pública estadual da Região Metropolitana da Grande Vitória (ES), no período de agosto de 2012 a outubro de 2013. A medida da circunferência abdominal (CA) foi realizada em duplicidade e feita média aritmética e o consumo alimentar foi identificado a partir de questionário alimentar simplificado, composto por alimentos cujo consumo elevado ou excessivo representa risco para doenças coronarianas em adolescentes. Para a análise estatística, foi realizado o teste qui-quadrado de Pearson RESULTADOS: 55,9% da amostra apresentou consumo alimentar adequado, 15,6% elevado e 28,5% excessivo. Dentre os adolescentes que tiveram um consumo alimentar adequado, elevado e excessivo, 5,6 % (N = 46), 1,1% (N = 9) e 2,6% (N = 21) apresentaram CA aumentada, respectivamente. O resultado do teste qui-quadrado não indicou associação entre consumo alimentar de risco cardiovascular e a CA, valor - p = 0,576 CONCLUSÃO: não houve associação entre o consumo alimentar de risco cardiovascular e o aumento da cincunferência abdominal.(AU)
Descritores DECS:Doenças Cardiovasculares
Comportamento Alimentar
Relação Cintura-Quadril
Circunferência da Cintura
Limites:Humanos
Criança
Adolescente
Descritores Psi Português:COMPORTAMENTO ALIMENTAR
ALIMENTAÇÃO INFANTIL
DISTÚRBIOS DO CORAÇÃO
DISTÚRBIOS CARDIOVASCULARES
RAZÃO CINTURA-QUADRIL
Descritores Psi Inglês:EATING BEHAVIOR
FEEDING OF CHILDREN
HEART DISORDERS
CARDIOVASCULAR DISORDERS
RAZÓN CINTURA-CADERA
Descritores Psi Espanhol:CONDUCTA ALIMENTARIA
ALIMENTACIÓN INFANTIL
CARDIOMIOPATÍAS
TRASTORNOS CARDIOVASCULARES
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822015000300011


  11 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:50289
Autor:Dias, Maria do Rosário; Cruz, João Amaral da; Martins, Nádia Leitão.
Título:I am favolas: a health education instrument in dentistry / Eu sou o favolas: um instrumento de educação para a saúde em dentisteria.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;25(3):325-330, 2015 ilus.
Resumo em inglês: INTRODUCTION: a good oral health is essential to the existence of a good systemic health. Nevertheless, tooth decay is one of the major problems of public health of our days. Taking this into account, to combat this problem it is the duty of health professionals to promote patient education so that they can adopt habits that prevent the onset of the same disease or its recurrence OBJECTIVES: to use pictograms and macro models in order to promote the cooperation and participation of the child, reinforcing the importance of non-verbal language in the dentistry setting METHODS: we created original health education instruments, mainly based on pictograms, for children between 5 and 7 years of age RESULTS: nonverbal communication allows a relational bond between therapist and child, enabling the continuity of work and active participation of the child CONCLUSION: the application of pictograms in children in pediatric dentistry setting may be an asset in health education, promoting a more focused perspective on the patient as well as their active role in it.(AU)
Resumo em português: INTRODUÇÃO: uma boa saúde oral torna-se fundamental para a existência de um estado de boa saúde sistémica. Apesar disso, a cárie dentária constitui-se como um dos maiores problemas de saúde pública dos nossos dias. Nesse sentido, combater a cárie evoca o dever dos profissionais de saúde em promover o ensino ao doente para que possam capacitar os doentes-saudáveis de hábitos de higiene oral que previnam o aparecimento desta mesma doença ou a sua recidiva OBJETIVOS: utilização de pictogramas e de macro modelos de modo a promover a cooperação e a participação da criança, reforçando a importância da linguagem não-verbal no setting de consulta em Odontopediatria MÉTODOS: foram criados instrumentos originais de Educação para a Saúde (EPS), maioritariamente baseados em pictogramas, destinados a crianças na faixa etária dos 5 aos 7 anos de idade RESULTADOS: a comunicação não-verbal permite a sedimentação de um vínculo relacional entre o Medico Dentista-criança, possibilitando a continuidade do trabalho clinico e a participação ativa da criança CONCLUSÃO: a aplicação de pictogramas lúdicos em crianças, na consulta de Odontopediatria, constitui-se como uma mais-valia no âmbito da Educação para a Saúde Oral, promovendo uma perspetiva doentocêntrica, bem como o incremento do papel ativo e participativo do doente no setting terapêutico.(AU)
Descritores DECS:Educação em Saúde Bucal
Odontopediatria
Assistência Odontológica Integral
Limites:Humanos
Pré-Escolar
Criança
Descritores Psi Português:ODONTOPEDIATRIA
HIGIENE
SAÚDE INFANTIL
Descritores Psi Inglês:PEDIATRIC DENTISTRY
HYGIENE
CHILD HEALTH
Descritores Psi Espanhol:ODONTOLOGÍA PEDIÁTRICA
HIGIENE
SALUD INFANTIL
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822015000300012


  12 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:50288
Autor:Klein, Vivian Caroline; Gaspardo, Claudia Maria; Martinez, Francisco Eulógio; Linhares, Maria Beatriz Martins.
Título:Neonatal characteristics and temperament predict behavior problems in children born preterm.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;25(3):331-340, 2015 tab.
Resumo em inglês: INTRODUCTION: the preterm birth is a risk factor for child developmental and behavioral problems OBJECTIVE: to examine whether neonatal clinical characteristics of infants born preterm, as well as temperament assessed in toddlerhood, predict behavior problems during the preschool years METHODS: twenty-one children born preterm with very low birth weight were assessed longitudinally at three different ages: in the neonatal period, during toddlerhood, and in preschool. Medical charts were reviewed to assess infants' clinical illness characteristics at the neonatal phase. Mothers fulfilled the Early Childhood Behavior Questionnaire for assessing temperament at the toddlerhood and the Child Behavior Checklist-1.5-5 for assessing children's behavior problems at the preschool age RESULTS: very low birth weight associated with child temperament at the toddlerhood predicted behavior problems at the preschool age. High levels of excitement about expected pleasurable activities as well as low levels of inhibitory control increased the chance of exhibiting externalizing behavior problems. Otherwise, high levels of both gross and fine motor activation increased the chance of exhibiting internalizing behavior problems CONCLUSION: prematurity associated with temperament of poor self-regulation in developmental processes comprises a multiple-risk condition for clinical behavior problems in the preschool age.(AU)
Resumo em português: INTRODUÇÃO: o nascimento prematuro constitui-se em fator de risco para problemas de desenvolvimento e comportamento da criança OBJETIVO: verificar se características clínicas neonatais de recém-nascidos pré-termo, bem como o temperamento avaliado na primeira infância são preditores de problemas de comportamento durante a fase pré-escolar MÉTODO: vinte e uma crianças nascidas pré-termo com muito baixo peso foram avaliadas longitudinalmente em três idades diferentes: no período neonatal, durante a primeira infância, e na fase pré-escolar. Os prontuários médicos foram revisados para avaliar as características clínicas das crianças durante a fase neonatal. As mães responderam o Early Childhood Behavior Questionnaire para avaliação do temperamento na primeira infância e o Child Behavior Checklist-1.5-5 para avaliação dos problemas de comportamento das crianças na fase pré-escolar RESULTADOS: muito baixo peso ao nascimento, associado às características do temperamento da criança, na primeira infância, foram preditores de problemas de comportamento na fase pré-escolar, em crianças nascidas pré-termo. Altos níveis de antecipação positiva, bem como baixos níveis de controle inibitório, aumentaram o risco de as crianças apresentarem problemas de comportamento do tipo externalizantes. Por outro lado, altos níveis de ativação motora ampla e fina aumentaram o risco de as crianças apresentarem problemas de comportamento do tipo internalizantes CONCLUSÃO: a prematuridade, associada a indicadores do temperamento com baixa autorregulação, caracterizam-se como condições de múltiplo risco para problemas de comportamento em crianças na fase pré-escolar.(AU)
Descritores DECS:Comportamento
Prematuro
Temperamento
Fatores de Risco
Limites:Humanos
Recém-Nascido
Descritores Psi Português:NASCIMENTO PREMATURO
PSICOLOGIA DA CRIANÇA
PERSONALIDADE
FATORES DE RISCO
Descritores Psi Inglês:PREMATURE BIRTH
CHILD PSYCHOLOGY
PERSONALITY
RISK FACTORS
Descritores Psi Espanhol:NACIMIENTO PREMATURO
PSICOLOGÍA INFANTIL
PERSONALIDAD
FACTORES DE RIESGO
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822015000300013


  13 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:50287
Autor:Chiang, Ellen Dias de Oliveira; Baker, Misha L.; Figueroa-Downing, Daniella; Baggio, Maria Luiza; Villa, Luisa; Eluf Neto, Jose; Hadley, Craig; Bednarczyk, Robert A.; Evans, Dabney P.
Título:"Those who love, vaccinate": parental perceptions of HPV vaccination.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;25(3):341-350, 2015 tab.
ProjetoFAPESP; . CNPq. 2008/57889-1; 573799/2008-3.
Resumo em inglês: INTRODUCTION: In March 2014, Brazil began its national HPV immunization campaign targeting girls ages 9-13 OBJECTIVE: Describe determinants of parental decisions to vaccinate their daughters against HPV METHODS: In this qualitative study, thirty semi-structured interviews were conducted at five health posts in São Paulo, Brazil. Interview questions explored parental opinions of disease prevention methods, vaccines in general, and the HPV vaccine. Interviews were analyzed using grounded theory RESULTS: Overall, parental knowledge about HPV and the vaccine was low, yet most eligible daughters had been vaccinated. Parents perceived the HPV vaccine to be normal, preventative, and protective. Parents viewed themselves as accountable for their children's health, and saw the vaccine as a parenting tool for indirect control. Trust in healthcare professionals and an awareness of the dangers of "nowadays" (uncertainties regarding disease and sexual behavior) were also important in vaccine decision-making. These factors held more explanatory power for decisions to vaccinate than parental knowledge levels. This was the first study to qualitatively examine the perception of publically provided HPV vaccination among parents with eligible daughters in Brazil. The findings help interpret the greater than 90% coverage for the first HPV vaccine dose in Brazil. The results indicate that attempts to understand, maintain, or modify vaccination rates require the consideration of context specific factors, which influence both parent perspectives and vaccination decisions CONCLUSION: HPV knowledge levels are not predictive of parental decisions to vaccinate daughters. Context specific factors from the sociocultural dimensions of parenting, sexuality, gender, and the healthcare system are more influential in vaccine decision-making.(AU)
Resumo em português: INTRODUÇÃO: em Março de 2014 o Brasil lançou uma campanha nacional de vacinação contra o HPV para meninas de idades 9 a 13. : Descrever determinantes das decisões dos pais para vacinar as filhas contra HPV MÉTODO: neste estudo qualitativo foram realizadas trinta entrevistas semi-estruturadas em cinco UBSs em São Paulo. A entrevista examinou as opiniões dos pais sobre métodos de prevenção de doença, vacinas em geral e a vacina contra o HPV. As entrevistas foram analisados utilizando grounded theory RESULTADOS: no geral os pais demonstraram baixo conhecimento sobre HPV e a vacina contra o HPV. Apesar disso a maioria das meninas elegíveis foram vacinadas. Os pais consideraram a vacina contra o HPV normal, preventiva e protetora e se identificaram como os responsáveis pela saúde dos filhos e descreveram a vacina comouma forma indireta de controle dos pais. Confiança em profissionais de saúde e os perigos de "hoje em dia" (dúvidas em termos de doenças e relações sexuais) mostraram-se importantes nas decisões de vacinação. Estes fatores tiveram maior poder explicativo para as decisões de vacinação do que os níveis de conhecimento dos pais.Este foi o primeiro estudo que examinou qualitativamente o propósito da vacinação contra o HPV entre pais de meninas elegíveis no Brasil. Os resultados ajudam a interpretar acobertura superior a 90% para a primeira dose da vacina contra o HPV no Brasil. Estes resultados indicam que esforços direcionados a entender ou modificar taxas de vacinação exigem a consideração destes fatores que são específicos ao contexto e direcionam perspectivas e decisões de vacinação CONCLUSÃO: conhecimento dos pais sobre HPV talvez não seja preditivo para a vacinação das filhas. Fatores específicos ao contexto sociocultural de parentalidade, sexualidade, gênero e o sistema de saúde influenciaram na decisão de vacinação.(AU)
Descritores DECS:Papillomaviridae
Vacinação
Prevenção Primária
Saúde do Adolescente
Limites:Humanos
Adolescente
Descritores Psi Português:PAPILOMAVÍRUS
PREVENÇÃO
MEDICINA PREVENTIVA
IMUNIZAÇÃO
Descritores Psi Inglês:PAPILLOMAVIRUSES
PREVENTION
PREVENTIVE MEDICINE
IMMUNIZATION
Descritores Psi Espanhol:PAPILLOMAVIRUS
PREVENCIÓN
MEDICINA PREVENTIVA
INMUNIZACIÓN
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822015000300014


  14 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:50286
Autor:Rover, Milene de Moraes Sedrez; Viera, Cláudia Silveira; Toso, Beatriz Rosana Gonçalves de Oliveira; Grassiolli, Sabrina; Bugs, Bruna Maria.
Título:Growth of very low birth weight preterm until 12 months of corrected age / Crescimento de prematuros de muito baixo peso do nascimento até doze meses de idade corrigida.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;25(3):351-356, 2015 graf, tab.
Resumo em inglês: INTRODUCTION: facing the progressive increase in the survival of premature ta infants, a concern for health professionals would be related to the possible consequences arising from prematurity, among them the growth changes OBJECTIVES: to describe the anthropometric variables of newborns Premature Very Low Birth Weight in the follow-up monitoring METHODS: observational, longitudinal and retrospective study, involving 71 children who left Neonatal Intensive Care Unit (NICU), with a weight lower than 1500 g who were treated between 2006 and 2013. They should have at least three outpatient visits within twelve months of corrected age after NCAU discharge, in the following periods: period I up to 3 months of corrected age; period II between 4-6 months of corrected age and period III between 7-12 months of corrected age RESULTS: the mean Gestational Age (GA) was 29.4 weeks, 51% male, birth weight 1073.2 g, 70% with appropriate GA. The hospitalization stay was 68.73 days. Weight Z score at birth -0.95; at discharge -3.05; in period I -2.4; period II -1.8; period III -1.2. Height at birth -1.21, at discharge -2.23; -2.5; -1.8 and -1.1 for the periods I, II and III , respectively. Regarding the PT Z score at birth -0.71; at discharge -1.5; and monitoring -1.1; -0.8 and -0.5 respectively in the periods I, II and III CONCLUSIONS: despite of the great Z score reduction in NICU, there was a progressive improvement during follow-up in the Z score in the three anthropometric variables.(AU)
Resumo em português: INTRODUÇÃO: frente ao progressivo aumento da sobrevida de recém-nascidos prematuros, uma preocupação para os profissionais de saúde deve ser em relação às possíveis sequelas advindas da prematuridade, dentre elas as alterações de crescimento OBJETIVOS: descrever variáveis antropométricas de recém-nascidos Prematuros de Muito Baixo Peso em acompanhamento de follow-up MÉTODO: estudo observacional, longitudinal e retrospectivo, em que participaram 71 crianças egressas da Unidade de Terapia Intensiva Neonatal, com peso menor de 1.500 g, atendidas entre 2006 e 2013 e, que realizaram pelo menos três consultas ambulatoriais até doze meses de Idade Corrigida (IC), nos seguintes períodos: período I (até 3 meses de IC); período II (entre 4 a 6 meses de IC) e período III (entre 7 a 12 meses de IC RESULTADOS: a Idade Gestacional média foi de 29,4 semanas, sendo 51% do sexo masculino, com peso médio de nascimento de 1073,2 g, sendo 70% adequados à IG. O tempo de internação médio foi de 68,73 dias. A média do escore Z do peso ao nascimento de -0,95; no momento da alta hospitalar, de -3,05; no período I -2,4; período II -1,8; período III -1,2. : -1,21 ao nascimento, -2,23 na alta, -2,5; -1,8 e -1,1 nos períodos I, II e III, respectivamente. Em relação ao PC: escore Z ao nascimento -0,71; alta -1,5; e seguimento -1,1; -0,8 e -0,5 respectivamente nos períodos I, II e III CONCLUSÕES: na descrição das variáveis antropométricas dos recém-nascidos prematuros durante a hospitalização até o terceiro período de seguimento observou-se retardo de crescimento extrauterino na internação e melhora progressiva nos índices de escore Z das três variáveis antropométricas durante o seguimento ambulatorial.(AU)
Descritores DECS:Desenvolvimento Infantil
Prematuro
Peso ao Nascer
Retardo do Crescimento Fetal
Limites:Humanos
Recém-Nascido
Descritores Psi Português:DESENVOLVIMENTO INFANTIL
NASCIMENTO PREMATURO
PESO ABAIXO DO NORMAL
Descritores Psi Inglês:CHILDHOOD DEVELOPMENT
PREMATURE BIRTH
UNDERWEIGHT
Descritores Psi Espanhol:DESARROLLO INFANTIL
NACIMIENTO PREMATURO
PESO ABAJO DE LO NORMAL
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822015000300015


  15 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:50285
Autor:Machado, Lucas Dias Soares; Ramos, José Lucas Souza; Machado, Maria de Fátima Antero Sousa; Antão, Jennifer Yohanna Ferreira de Lima; Santos, Shayane Bezerra dos; Marinho, Mirna Neyara Alexandre de Sá Barreto; Freitas, Gislaine Loiola Saraiva; Bezerra, Italla Maria Pinheiro.
Título:Participatory process of health promotion at school / Processos participativos de promoção da saúde na escola.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;25(3):357-363, 2015 ilus, tab.
Resumo em inglês: INTRODUCTION: it is known that adolescence is a period of constant biopsychosocial changes. Based on this premise, it is understood that this population should be included as a priority in health systems, seeking their effective participation through strategies associated with health promotion OBJECTIVE: To analyse the participatory process of adolescents in health promotion activities from the perspective of the Bambu Method METHODS: this is a qualitative exploratory study, carried out in two schools located in Crato, Ceará, Brazil. Pupils are from 10 to 19 years old. The study was based on the Bambu Method, which is a means to boost the prospects of the group. It was done by observation of the participant, the environment, the verbal and non-verbal expressions of adolescents and a diary where relevant information was recorded. The organization of data occurred through the content analysis technique proposed by Bardin RESULTS: it was observed that the opportunity to express themselves with the host led young people to feel more at ease among others and induced the formation of a bond. The participatory process for adolescents was perceived as a process of facing reality and associated with learning, the stimulus for personal development, through the initiative of action, attitude and self-esteem CONCLUSION: the Bambu Method proved to be a relevant framework to guide health education activities with groups of adolescents, allowing the development of activities suitable to the needs of the participants.(AU)
Resumo em português: INTRODUÇÃO: sabe-se que a adolescência é um período de constantes alterações biopsicossociais, partindo dessa premissa, entende-se que esse público deve ser incluso como prioridade no sistemas de saúde, buscando a sua participação efetiva através de estratégias associadas a promoção da saúde OBJETIVO: analisar o processo participativo em atividades de promoção da saúde do adolescente sob a perspectiva do Método Bambu MÉTODO: trata-se de um estudo exploratório qualitativo, realizado em duas escolas da cidade de Crato, CE, Brasil, Participaram alunos com idade entre 10 e 19 anos, O estudo foi baseado no método Bambu que é um meio para impulsionar as potencialidades do grupo, Foram utilizados a observação participante, do ambiente ou das expressões verbais e não-verbais dos adolescentes, e um diário de campo onde foram registradas informações pertinentes, A organização dos dados deu-se mediante a técnica de análise de conteúdo, proposta por Bardin RESULTADOS: evidenciou-se que a abertura para se expressar junto ao acolhimento levou os jovens a se sentir mais à vontade em meio aos demais, além de induzir a formação do vínculo e configurar o processo participativo, que para os adolescentes foi percebida como um processo voltado para realidade e associada ao aprendizado, ao estímulo para o desenvolvimento pessoal, por meio da iniciativa, da ação, da atitude e da autoestima CONCLUSÃO: o Método Bambu mostrou-se como relevante referencial para guiar ações de educação em saúde com grupos de adolescentes, permitindo a elaboração de atividades adequadas às necessidades dos participantes.(AU)
Descritores DECS:Adolescente
Promoção da Saúde
Educação em Saúde
Limites:Criança
Adolescente
Descritores Psi Português:PROMOÇÃO DA SAÚDE
PREVENÇÃO
ORIENTAÇÃO EDUCACIONAL
ESTUDANTES DE ENSINO MÉDIO
ADOLESCENTES
Descritores Psi Inglês:HEALTH PROMOTION
PREVENTION
EDUCATIONAL COUNSELING
HIGH SCHOOL STUDENTS
ADOLESCENTS
Descritores Psi Espanhol:PROMOCIÓN DE LA SALUD
PREVENCIÓN
ORIENTACIÓN EDUCACIONAL
ADOLESCENTES
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822015000300016


  16 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:50284
Autor:Saccani, Raquel; Valentini, Nadia C..
Título:Postural control in children born at term according to the alberta infant motor scale: comparison between sexes / Controle postural em crianças nascidas a termo segundo a alberta infant motor scale: diferenças entre os sexos.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;25(3):364-370, 2015 graf, tab.
Resumo em inglês: INTRODUCTION: acquisitions and changes in the motor and cognitive development of boys and girls are related not only to existing biological differences between both sexes, but also to socio-economic, cultural and family factors OBJECTIVE: to investigate the differences between sexes in the acquisition of anti-gravitational postures METHODS: the participants in this study were 638 children born at term (324 males and 314 females), from 0 to 18 months, coming from Infant Education Schools in the south of Brazil. The Alberta Infant Motor Scale (AIMS) was used to evaluate motor performance RESULTS: most of the evaluated children showed normal motor performance for their age (69.7%), with nonlinear development and plateaus in postural acquisition from 15 months. There were not significant differences (p0.05) in motor performance between boys and girls from 0 to 18 months CONCLUSION: motor development was similar between the sexes in the first months of life. However, throughout childhood, sociocultural differences and parents' practices seem to influence differently the process of motor acquisition and development of skills, since children are exposed to experiences in conformity with sex expectations.(AU)
Resumo em português: INTRODUÇÃO: as aquisições e mudanças no desenvolvimento motor e cognitivo de meninos e meninas não estão relacionadas apenas as diferenças biológicas existentes entre os sexos, mas também a fatores sócio econômicos, culturais e familiares OBJETIVO: investigar as diferenças entre os sexos nas aquisições posturais antigravitacionais MÉTODOS: participaram deste estudo, 638 crianças nascidas atermo, de 0 a 18 meses (324 meninos e 314 meninas), residentes no Sul do Brasil, provenientes de Escolas de Educação Infantil. A Alberta Infant Motor Scale (AIMS) foi utilizada para avaliar o desempenho motor RESULTADOS: a maioria das crianças avaliadas demonstrou desempenho motor normal para idade (69,7%), com desenvolvimento não linear e aparecimento de platôs nas aquisições posturais a partir dos 15 meses. Não foram detectadas diferenças significativas (p 0,05) entre o desempenho motor de meninos e meninas dos 0 aos 18 meses de idade CONCLUSÃO: o desenvolvimento motor foi semelhante entre os sexos nos primeiros anos de vida. Entretanto destaca-se que com o passar dos anos as diferenças sócio culturais e de práticas parentais exercem influências sobre o processo de aquisição e desenvolvimento de habilidades motoras, uma vez que, as crianças tem sido sendo expostas a experiências de acordo com as expectativas para cada gênero.(AU)
Descritores DECS:Desenvolvimento Infantil
Fatores de Risco
Avaliação
Limites:Recém-Nascido
Lactente
Descritores Psi Português:DESEMPENHO MOTOR
DESENVOLVIMENTO INFANTIL
FATORES DE RISCO
Descritores Psi Inglês:MOTOR PERFORMANCE
CHILDHOOD DEVELOPMENT
RISK FACTORS
Descritores Psi Espanhol:DESEMPEÑO MOTOR
DESARROLLO INFANTIL
FACTORES DE RIESGO
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822015000300017


  17 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:50283
Autor:Khairullina, Nursafa Gafurovna; Antunes, Thaiany Pedrozo Campos; Fokina, Anna Borisovna.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;25(3):371-376, 2015 ilus, graf, tab
Resumo em inglês: INTRODUCTION: national education and native language are potential points of safety and development for indigenous small-numbered peoples OBJECTIVE: to analyze the tendencies in the field of native language and national education of indigenous small-numbered peoples of the Northern Tyumen region METHODS: descriptive and retrospective analysis of sociological monitoring was conducted from 1993 to 2011 over two-year intervals to reveal indigenous peoples' problems RESULTS: in 1993, 35% of indigenous small-numbered peoples of the Northern Tyumen region noted that they had mastered the native language, while only 24% did not master the language. Whereas towards 2011, only 6% of these peoples had mastered their native language and 65% had not mastered the language. At the end of our research, in 2011, an absolute majority of respondent indigenous peoples noted the need for lessons of their native language, 70% study in Russian language and 30% would like to study the native language CONCLUSION: there is a tendency of the indigenous small-numbered peoples of the Northern Tyumen region to assimilate their native language and they have a high interest in having their native language included as a component of national education.(AU)
Resumo em português: INTRODUÇÃO: a educação nacional e língua nativa são potenciais pontos de segurança e desenvolvimento para os pequenos povos indígenas OBJETIVO: analisar as tendências no domínio da língua materna e da educação nacional dos pequenos povos indígenas da região Norte de Tyumen, na Rússia MÉTODO: foi realizada uma análise sociológica descritiva e retrospectiva entre 1993 e 2011, em intervalos de dois anos RESULTADO: em 1993, 35% dos pequenos povos indígenas da região Norte de Tyumen observaram que tinham domínio da língua nativa, enquanto apenas 24% não dominavam a língua. Em 2011, apenas 6% desses povos dominavam sua língua nativa e 65% não dominavam. Ao final da pesquisa, em 2011, a maioria absoluta dos povos indígenas estudados referiram a necessidade de lições de sua língua nativa. 70% dessa população estudava no idioma russo e os outros 30% gostariam de estudar em sua língua nativa CONCLUSÃO: há uma tendência dos pequenos povos indígenas da região Norte de Tyumen em assimilar sua língua nativa e eles têm grande interesse em ter seu idioma nativo incluído como um componente da educação nacional.(AU)
Descritores DECS:População Indígena
Educação
Linguagem
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Descritores Psi Português:ÍNDIOS
GRUPOS MINORITÁRIOS
EDUCAÇÃO
LINGUAGEM
Descritores Psi Inglês:INDIANS
MINORITY GROUPS
EDUCATION
LANGUAGE
Descritores Psi Espanhol:INDIOS
GRUPOS MINORITARIOS
EDUCACIÓN
LENGUAJE
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822015000300018


  18 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:50282
Autor:Diniz, Simone Grilo; Salgado, Heloisa de Oliveira; Andrezzo, Halana Faria de Aguiar; Carvalho, Paula Galdino Cardin de; Carvalho, Priscila Cavalcanti Albuquerque; Aguiar, Cláudia de Azevedo; Niy, Denise Yoshie.
Título:Abuse and disrespect in childbirth care as a public health issue in Brazil: origins, definitions, impacts on maternal health, and proposals for its prevention / Violência obstétrica como questão para a saúde pública no Brasil: origens, definições, tipologia, impactos sobre a saúde materna, e propostas para sua prevenção.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;25(3):377-384, 2015 tab.
Resumo em inglês: Disrespect and abuse (in Brazil called obstetric violence), described by different terms, is increasingly used in social activism, in academic research and public policy formulation, and was recently recognized as a public health issue by the World Health Organization. As an innovative theme, it requires a mapping its origins, definitions, typology, impacts on maternal health and proposals for its preventing and remedy. We present a critical-narrative review about this issue, including academic literature, productions of social movements and institutional documents, in Brazil and internationally. After a short historical overview, we map the definitions and types of violence. The complex causation of these forms of violence is discussed, including the role of professional training, the organization of health services, and the implications for maternal morbidity and mortality. Finally we present interventions in public health that have been used or proposed to prevent and mitigate obstetric violence, and an agenda for innovation and research in this area.(AU)
Resumo em português: A violência obstétrica, descrita por diferentes termos, cada vez mais é utilizada no ativismo social, em pesquisas acadêmicas e na formulação de políticas públicas, sendo recentemente reconhecida como questão de saúde pública pela Organização Mundial da Saúde. Como tema inovador, requer um mapeamento de suas origens, definições, tipologia, impactos na saúde materna e propostas de prevenção e superação.Apresentamos esta revisão crítico-narrativasobre o tema, abarcandoliteratura acadêmica, produções dos movimentos sociais e documentos institucionais, do Brasil e exterior. Após breve recuperação histórica do tema,mapeiam-se as definições e as tipologias de violência identificadas. Discute-se a complexa causalidade destas formas de violência, incluindo o papel da formação dos profissionais e da organização dos serviços de saúde e as implicações na morbimortalidade materna. Finaliza-se com intervenções em Saúde Pública que têm sido utilizadas ou propostas para prevenir e mitigar a violência obstétrica, e uma agenda de pesquisa de inovação nesta área.(AU)
Descritores DECS:Parto Humanizado
Saúde da Mulher
Direitos Humanos
Violência contra a Mulher
Limites:Humanos
Feminino
Descritores Psi Português:PARTO
NASCIMENTO
MULHERES - HIGIENE E SAÚDE
VIOLÊNCIA CONTRA MULHER
DIREITOS HUMANOS
Descritores Psi Inglês:LABOR (CHILDBIRTH)
BIRTH
WOMEN - HEALTH AND HYGIENE
VIOLENCE AGAINST WOMEN
HUMAN RIGHTS
Descritores Psi Espanhol:PARTO
NACIMIENTO
MUJERES - HIGIENE Y SALUD
VIOLENCIA CONTRA LA MUJER
DERECHOS HUMANOS
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822015000300019


  19 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48904
Autor:Tavares, Carlos Mendes; Kanikadan, Paula Yuri Sugishita; Alencar, Airlane Pereira; Schor, Néia.
Título:Início da vida sexual de adolescentes da Ilha de Santiago, Cabo Verde - África Ocidental / Beginning of sexual life of adolescents in Santiago Island, Cape Verde, West Africa
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;21(3):771-779, 2011 tab
Resumo em português: OBJETIVO: estimar a idade de início da atividade sexual de adolescentes e sua associação com fatores sócio-demográficos. MÉTODO: estudo transversal, realizado entre janeiro e março de 2007, com amostra de 368 adolescentes de 13 a 17 anos de idade, sexualmente ativos, provenientes de oito escolas secundárias públicas da Ilha de Santiago, Cabo Verde, escolhidas aleatoriamente. Na análise das variáveis, foi ajustado um modelo de regressão múltipla para variável ordinal com função de ligação probit, considerando-se nível de significância de 5 por cento. RESULTADOS: entre os 368 adolescentes, 31,5 por cento (116) eram meninas e 68,5 por cento (252) meninos. Houve maior freqüência de iniciação sexual protegida entre os jovens que se iniciaram sexualmente com idade mais avançada (16 e 17 anos). A iniciação feminina foi mais tardia do que a masculina e rapazes mais novos (13 anos) relataram o início da vida sexual a partir de dez anos de idade. Após análise múltipla, quatro fatores permaneceram significativamente associados à idade do início da vida sexual no sexo feminino: idade, morar em casa alugada, não estar namorando no período da entrevista e menarca. Para o masculino foram: idade, não estar namorando no período da entrevista e interação entre idade e não namorar. CONCLUSÕES: a maior freqüência de iniciação sexual protegida ocorre entre os jovens que se iniciaram sexualmente com idade mais avançada. Todavia, a influência de morar em casa própria ou cedida e de parceria afetivo-sexual no início da vida sexual revela que a necessidade de ações de prevenção sejam direcionadas para segmentos com piores condições sócio-econômicas e para adolescentes que não namoram.(AU)
Descritores DECS:Adolescente
Comportamento Sexual
Medicina Reprodutiva
Saúde do Adolescente
 -Pesquisa
 Fatores Socioeconômicos
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Descritores Psi Português:SAÚDE INFANTIL
COMPORTAMENTO PSICOSSEXUAL
ATITUDES SEXUAIS
REPRODUÇÃO SEXUAL
DESENVOLVIMENTO PSICOSSEXUAL
Descritores Psi Inglês:CHILD HEALTH
PSYCHOSEXUAL BEHAVIOR
SEXUAL ATTITUDES
SEXUAL REPRODUCTION
PSYCHOSEXUAL DEVELOPMENT
Descritores Psi Espanhol:SALUD INFANTIL
CONDUCTA PSICOSEXUAL
ACTITUDES SEXUALES
REPRODUCCIÓN SEXUAL
DESARROLLO PSICOSEXUAL
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822011000300003


  20 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48903
Autor:Ramos, Alessandra Teixeira; Carvalho, Danielle Franklin de; Gonzaga, Nathalia Costa; Cardoso, Anajás da Silva; Noronha, Juliana Andreia Fernandes; Cardoso, Maria Aparecida Alves.
Título:Perfil lipídico em crianças e adolescentes com excesso de peso / Lipid profile in overweight children and adolescents
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;21(3):780-788, 2011 graf, tab
ProjetoCNPq. Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado da Paraíba. 198/08.
Resumo em português: OBJETIVO: verificar alterações lipídicas e fatores associados em crianças e adolescentes obesos ou com sobrepeso. MÉTODO: estudo transversal realizado entre abril e novembro de 2009, incluindo 217 crianças e adolescentes, com excesso de peso, entre dois e 18 anos, usuários do Sistema Único de Saúde, Campina Grande-PB. A classificação do estado nutricional, segundo o percentil, considerou: sobrepeso (85e"IMC95), obesidade (95e"IMC97) e obesidade grave (IMCe"97). Foram considerados alterados os valores de LDL-c e" 130mg/dL, colesterol HDL-c 45 mg/dL e triglicerídeos e" 130mg/dL. A análise estatística, realizada no SPSS 17.0, utilizou análise de variância e testes de qui-quadrado, adotando-se um intervalo de confiança de 95 por cento. RESULTADOS: a maioria das crianças e adolescentes apresentava obesidade grave (68,2 por cento), que se mostrou associada ao sexo masculino (RP
Descritores DECS:Adolescente
Saúde do Adolescente
Obesidade
Hiperlipidemias
Doenças Cardiovasculares
Sistema Único de Saúde
Estado Nutricional
 -Pesquisa
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Descritores Psi Português:OBESIDADE INFANTIL
SAÚDE INFANTIL
DISTÚRBIOS DO CORAÇÃO
RAZÃO CINTURA-QUADRIL
Descritores Psi Inglês:OBESITY IN CHILDREN
CHILD HEALTH
HEART DISORDERS
Descritores Psi Espanhol:OBESIDAD INFANTIL
SALUD INFANTIL
CARDIOMIOPATÍAS
RAZÓN CINTURA-CADERA
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822011000300004


  21 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48902
Autor:Medeiros, Carla Campos Muniz; Cardoso, Maria Aparecida Alves; Pereira, Renner Augusto Raposo; Alves, Guilherme Tarso de Andrade; França, Inacia Sátiro Xavier de; Coura, Alexsandro Silva; Carvalho, Danielle Franklim de.
Título:Estado nutricional e hábitos de vida em escolares / Nutritional status and habits of life in school children
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;21(3):789-797, 2011 tab
Resumo em português: Objetivou-se descrever a prevalência de obesidade, sobrepeso, hábitos alimentares e a frequência de atividade física dos escolares da cidade de Campina Grande, Paraíba. Estudo realizado com 255 escolares (6 a 10 anos), dos quais foi calculado o IMC. Considerou-se sobrepeso IMC 85 e 95, e obesidade, IMC 95. A prevalência de sobrepeso e obesidade foi de 23,5 por cento, sendo mais frequente entre os alunos da rede privada (49,1 por cento), do que os da pública (17,1 por cento) (p 0,001), e em meninos (31,2 por cento) do que meninas (16 por cento) (p 0,01). A maioria das crianças (66,3 por cento) praticava menos que três dias de atividade física por semana e foi observada uma frequência maior de lanches levados de casa para escola pelos alunos das escolas privadas (83,7 por cento), sendo os de maior preferência: biscoito (72 por cento), refrigerante (54 por cento) e salgadinho (50 por cento). Já os escolares da rede pública apresentaram maior consumo de biscoito (68,2 por cento), iogurte (61,9 por cento) e salada de frutas (55,6 por cento). Obesidade, sobrepeso, hábitos alimentares não saudáveis e sedentarismo foram frequentes entre os escolares. Este fato reforça a necessidade de implantação de políticas públicas voltadas para a prevenção da obesidade, bem como a intensificação da educação nutricional e do estímulo à atividade física nas escolas.(AU)
Descritores DECS:Obesidade
Criança
Hábitos Alimentares
Atividade Motora
Educação Alimentar e Nutricional
Índice de Massa Corporal
 -Pesquisa
 Instituições Acadêmicas
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adolescente
Descritores Psi Português:ESTUDANTES DE ENSINO FUNDAMENTAL
OBESIDADE INFANTIL
DISTÚRBIOS DO ATO DE COMER
ATIVIDADE FÍSICA
Descritores Psi Inglês:ELEMENTARY SCHOOL STUDENTS
OBESITY IN CHILDREN
EATING DISORDERS
PHYSICAL ACTIVITY
Descritores Psi Espanhol:ESTUDIANTES DE 1ER GRADO
OBESIDAD INFANTIL
TRASTORNOS DE LA INGESTIÓN DE ALIMENTOS
ACTIVIDAD FÍSICA
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822011000300005


  22 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48901
Autor:Mascarenhas, Luis P G; Smolarek, André de C; Bozza, Rodrigo; Boguszewski, Margaret C S; Prati, Francisca Sonia; Stabelini Neto, Antonio; Campos, Wagner de; Modesto, Marilza J; Amer, Nadia Mohamad; Krinski, Kleverton; Elsangedy, Hassan Mohamed.
Título:Ponto de corte para o índice de massa corporal em adolescentes: comparação com padrões de referência nacionais e internacional / Cutoff for body mass index in adolescents: comparison with national and international reference standards
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;21(3):798-807, 2011 tab
Resumo em português: OBJETIVO: elaborar uma tabela percentílica para o índice de massa corporal (IMC) para adolescentes na faixa etária de 10 a 14 anos da cidade de Curitiba, Paraná, e comparar os valores encontrados para o sobrepeso (percentil 85) e obesidade (percentil 95) com referências de IMC nacional, regional e internacional. MÉTODO: estudo longitudinal misto com 5231 avaliações, 2471 em meninos e 2760 em meninas, idades entre 10 e 14 anos. Esse número foi obtido a partir de avaliações semestrais realizadas entre os anos de 1998 a 2002, gerando 4321 observações (estudo longitudinal), mais a avaliação de 910 indivíduos no ano de 2006 (estudo transversal). O IMC foi calculado pela razão entre a massa corporal (Kg) dividida pela estatura (m) ao quadrado. Foram elaboradas tabelas de frequência baseadas na distribuição percentílica. Para identificar as diferenças nos pontos de corte para sobrepeso e obesidade com os estudos nacionais de Cintra e de Conde e Monteiro e com o estudo internacional de Cole foi utilizado teste binomial não paramétrico. RESULTADOS: comparando com as referências, os jovens de Curitiba seriam superestimados com sobrepeso se utilizadas a referência de Conde e a de Cole e subestimados na referência regional de Cintra. As mesmas tendências foram observadas com relação ao percentil 95 (obesidade), porém não para todas as faixas etárias. CONCLUSÃO: observamos diferenças nos valores de IMC sugeridos como pontos de corte para sobrepeso e obesidade em relação às referências nacionais e internacionais reforçando a necessidade de utilização de referências específicas para cada população.(AU)
Descritores DECS:Índice de Massa Corporal
Obesidade
Adolescente
 -Pesquisa
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Descritores Psi Português:ÍNDICE DE MASSA CORPORAL
PESO DO CORPO
OBESIDADE
DISTÚRBIOS DO ATO DE COMER
ADOLECENTES
Descritores Psi Inglês:BODY MASS INDEX
BODY WEIGHT
OBESITY
EATING DISORDERS
ADOLECENTS
Descritores Psi Espanhol:ÍNDICE DE MASA CORPORAL
PESO DEL CUERPO
OBESIDAD
TRASTORNOS DE LA INGESTIÓN DE ALIMENTOS
ADOLECENTES
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822011000300006


  23 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48900
Autor:Pereira, Débora Morais; Araújo, Rita de Cássia Tibério; Braccialli, Ligia Maria Presumido.
Título:Análise da relação entre a habilidade de integração visuo-motora e o desempenho escolar / Relationship analysis between visual-motor integration ability and academic performance
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;21(3):808-817, 2011 graf
Resumo em português: A integração visuo-motora é uma habilidade que envolve a percepção visual e a coordenação olho-mão. Alterações da habilidade perceptiva ou da capacidade de organização motora podem refletir em dificuldades de aprendizado da leitura, escrita e matemática. Este trabalho objetivou verificar a existência de relação entre a habilidade de integração visuo-motora e o desempenho escolar, bem como identificar se a habilidade de percepção visual correlaciona-se com o desempenho na atividade de leitura e se a habilidade de coordenação motora correlaciona-se com o desempenho na atividade de escrita. Participaram do estudo 77 alunos do 2°. ano do ensino fundamental de uma escola pública. Para a coleta de dados foram utilizados o Teste do Desenvolvimento da Integração Visuo-Motora e o Teste de Desempenho Escolar. Os resultados mostraram correlação significante entre a habilidade de integração visuo-motora e o desempenho em atividades de leitura (r = 0,230; p = 0,044), escrita (r = 0,244; p= 0,033) e aritmética (r = 0,277; p= 0,015); correlação significante entre a habilidade de percepção visual e leitura (r = 0,407; p = 0) e correlação significante entre a habilidade motora e a escrita com letra cursiva (p = 0,039). Os resultados deste estudo estão em consonância com os da literatura, no que diz respeito à constatação da influência das habilidades de integração visuo-motora, percepção visual e coordenação motora sobre o desempenho do aluno nas atividades escolares.(AU)
Descritores DECS:Percepção Visual
Desempenho Psicomotor
Estudantes
Pesquisa
Avaliação de Recursos Humanos em Saúde
Educação
 -Leitura
 Escrita Manual
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Descritores Psi Português:ESTUDANTES DE ENSINO FUNDAMENTAL
PERCEPÇÃO VISUAL
HABILIDADES MOTORAS
PSICOMOTRICIDADE
Descritores Psi Inglês:ELEMENTARY SCHOOL STUDENTS
VISUAL PERCEPTION
MOTOR SKILLS
PSYCHOMOTRICITY
Descritores Psi Espanhol:ESTUDIANTES DE 1ER GRADO
PERCEPCIÓN VISUAL
DESTREZA MOTORA
PSICOMOTRICIDAD
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822011000300007


  24 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48899
Autor:Magalhães, Celina Maria Colino; Costa, Lígia Negrão; Cavalcante, Lília Iêda Chaves.
Título:Percepção de educadores de abrigo: o seu trabalho e a criança institucionalizada / The perception of shelter care educators: their work and the institutionalized child
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;21(3):818-831, 2011 graf, tab
Resumo em português: Este artigo objetiva analisar a percepção de cuidadores de abrigo acerca do trabalho desenvolvido por eles e sobre as crianças institucionalizadas. Foram aplicados questionários a 102 educadoras do maior abrigo de Belém, entre 2004 e 2006. Os resultados mostraram que para os educadores: o atendimento da instituição é satisfatório com cuidados físicos básicos, mas não com questões afetivas e intelectuais; a criança institucionalizada não possui liberdade de fazer escolhas, não tem privacidade, nem atenção individualizada; o trabalho desses profissionais exerce pouca influência sobre o desenvolvimento cognitivo e afetivo infantil. Essas informações podem ser úteis na elaboração do projeto político pedagógico da instituição, enfatizando a unidade entre cuidar e educar.(AU)
Descritores DECS:Criança
Criança Institucionalizada
Cuidado da Criança
Cuidadores
Abrigo
Psicologia da Criança
 -Educação
 Carência Psicossocial
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Descritores Psi Português:CRIANÇA INSTITUCIONALIZADA
CUIDADORES
CRIANÇAS ABRIGADAS
ABRIGOS
COMPORTAMENTO DE CUIDADO DA CRIANÇA
Descritores Psi Inglês:CHILD INSTITUTIONALIZED
CAREGIVERS
SHELTERED CHILDREN
SHELTERS
CHILD CARE
Descritores Psi Espanhol:NIÑO INSTITUCIONALIZADO
CUIDADORES
NIÑOS ABRIGADOS
ABRIGOS
CONDUCTA DE CUIDADO DEL NIÑO
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822011000300008


  25 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48898
Autor:Guimarães, Eliete Albano de Azevedo; Loyola Filho, Antônio Ignácio de; Hartz, Zulmira Maria de Araújo; Meira, Antônio José de; Luz, Zélia Maria Profeta.
Título:A descentralização do sinasc e a completude das variáveis da declaração de nascido vivo em municípios mineiros de 1998 a 2005 / The sinasc descentralization and the completeness of variables on birth certificates, in municipalities of minas gerais from 1998 to 2005
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;21(3):832-840, 2011 tab
Resumo em português: O Sistema de Informações Sobre Nascidos Vivos (SINASC) foi descentralizado com a finalidade de aprimorar a qualidade da informação e sua utilização, subsidiando a avaliação de serviços e os estudos epidemiológicos. Este estudo avaliou a completude das variáveis relativas ao recém-nascido, à mãe e à gestação e parto presentes na declaração de nascimento, em 38 municípios no estado de Minas Gerais. Foram utilizados os registros de nascidos vivos de mães residentes, disponível na base de dados do Sistema, entre os anos de 1998 e 2005. A avaliação levou em consideração o porte populacional e a condição de gestão dos municípios. Definiu-se como indicador o percentual de campos não preenchidos, e o padrão de qualidade adotado foi o definido por Mello Jorge et al. (1996). Valores entre 90 por cento e 100 por cento foram considerados adequados; de 70 por cento - 89,9 por cento não adequados, e crítico quando estes eram menores que 70 por cento. Observou-se aprimoramento no preenchimento da DNV ao longo do período analisado, no conjunto dos municípios avaliados. Verificou-se ainda redução importante da incompletude nas variáveis raça/cor, grau de instrução, estado civil, filhos nascidos vivos e nascidos mortos. A descentralização do Sistema de Informações Sobre Nascidos Vivos possibilitou a melhoria da completude das informações nos municípios estudados, independentemente do porte e da condição de habilitação.(AU)
Descritores DECS:Declaração de Nascimento
Nascimento Vivo
Descentralização
Avaliação de Serviços de Saúde
 -Serviços de Informação
 Centros de Informação
 Gestão de Qualidade
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Recém-Nascido
Descritores Psi Português:NASCIMENTO
ADMINISTRAÇÃO EM SAÚDE
SERVIÇOS DE SAÚDE
Descritores Psi Inglês:BIRTH
HEALTH CARE ADMINISTRATION
HEALTH CARE SERVICES
Descritores Psi Espanhol:NACIMIENTO
ADMINISTRACIÓN EN SALUD
SERVICIOS DE SALUD
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822011000300009


  26 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48897
Autor:Gallo, Paulo Rogério; Blake, Márcia de Toledo; Motta-Gallo, Sophia Karlla Almeida.
Título:Rádio comunitária como mecanismo para participação social no contexto da gestão descentralizada dos serviços de saúde / Broadcasting as a mechanism for consumer participation in the context of delivery health care
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;21(3):841-848, 2011
ProjetoCNPq. 409441/2006-6.
Resumo em português: OBJETIVO: compreender a percepção de gestores de Unidades de Saúde sobre o uso das rádios comunitárias (RC) como mecanismo para a ampliação da participação e processo de controle social no contexto da gestão descentralizada da saúde. MÉTODO: descrição e exploração, com abordagem qualitativa, de recortes discursivos de entrevistas com gestores de municípios brasileiros, analisados em quatro eixos temáticos: (1) RC como ambiente de uso popular; (2) RC como espaço de comunicação e de educação em saúde; (3) concepção sobre o modelo de atenção à saúde; (4) participação social nos serviços de saúde. RESULTADOS: a partir dos modelos de gestão adotados, observa-se tendência ao exercício instrucional de educação em saúde. Proposta que preconiza ações de saúde e intervenção, normativas. Este modelo de atenção e educação se distancia da perspectiva da compreensão da Saúde como produto histórico. O enfoque educativo adotado salienta a importância de ações higienistas de saúde, naturalizando a abordagem sobre os determinantes sociais do processo saúde-doença.(AU)
Descritores DECS:Meios de Comunicação de Massa
Saúde Pública
Participação Comunitária
Educação em Saúde
Serviços de Saúde Comunitária
Processo Saúde-Doença
 -Descentralização
 Ação Intersetorial
Descritores Psi Português:SISTEMAS DE COMUNICAÇÃO
MEIOS DE COMUNICAÇÃO DE MASSA
SERVIÇOS DE SAÚDE PÚBLICA
SERVIÇOS COMUNITÁRIOS
PARTICIPAÇÃO COMUNITÁRIA
Descritores Psi Inglês:COMMUNICATION SYSTEMS
MASS MEDIA
PUBLIC HEALTH SERVICES
COMMUNITY SERVICES
CONSUMER PARTICIPATION
Descritores Psi Espanhol:SISTEMAS DE COMUNICACION
MEDIOS DE COMUNICACIÓN DE MASA
SERVICIOS DE SALUD PÚBLICA
SERVICIOS COMUNITARIOS
PARTICIPACIÓN COMUNITARIA
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822011000300010


  27 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48896
Autor:Silva, Cláudia da; Cunha, Vera Lúcia Orlandi; Capellini, Simone Aparecida.
Título:Desempenho cognitivo-linguístico e em leitura de escolares com transtorno de déficit de atenção e hiperatividade / Performance cognitive-linguistic and reading of students with attention deficit and hyperactivity disorder
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;21(3):849-858, 2011 tab
Resumo em português: OBJETIVO: o objetivo deste estudo foi comparar o desempenho cognitivo-linguístico e em leitura de escolares com Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade com escolares sem queixa de transtornos comportamentais e/ou de aprendizagem. MÉTODO: participaram deste estudo 20 escolares de 5° a 8° ano do ensino fundamental. Os escolares foram divididos em dois: Grupo I (GI): composto por 10 escolares com diagnóstico interdisciplinar de Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade, e Grupo II (GII): composto por 10 escolares sem queixa de transtornos comportamentais e/ou de aprendizagem. Como procedimento foi realizado o Teste de habilidades metalinguísticas e leitura (PROHMELE), composto de testes de identificação de sílabas e fonemas, manipulação de sílabas e fonemas, repetição de pseudopalavras e leitura. RESULTADOS: os resultados apresentaram diferença estatisticamente significante entre GI e GII, demonstrando que os escolares do grupo GI apresentaram desempenho superior quando comparados com os escolares do grupo GII. CONCLUSÃO: de acordo com os resultados deste estudo podemos concluir que as dificuldades apresentadas por escolares com Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade podem ser atribuídas à desatenção, hiperatividade e desorganização, característica do próprio diagnóstico, e não a uma desordem de linguagem de base fonológica.(AU)
Descritores DECS:Transtornos de Aprendizagem
Transtorno do Deficit de Atenção com Hiperatividade
Transtornos da Linguagem
Dislexia
Pesquisa
 -Estudantes
 Ensino Fundamental e Médio
 Psicolinguística
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adolescente
Descritores Psi Português:ESTUDANTES DE ENSINO FUNDAMENTAL
DISTÚRBIOS DA APRENDIZAGEM
DISLEXIA
DISTÚRBIOS DA LINGUAGEM
TRANSTORNO DA FALTA DE ATENÇÃO COM HIPERATIVIDADE
Descritores Psi Inglês:ELEMENTARY SCHOOL STUDENTS
LEARNING DISABILITIES
DYSLEXIA
LANGUAGE DISORDERS
ATTENTION DEFICIT DISORDER WITH HYPERACTIVITY
Descritores Psi Espanhol:ESTUDIANTES DE 1ER GRADO
TRASTORNOS DEL APRENDIZAJE
DISLEXIA
TRASTORNOS DEL LENGUAJE
TRASTORNO POR DEÉFICIT DE ATENCIÓN CON HIPERACTIVIDAD
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822011000300011


  28 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48895
Autor:Guimarães, Jamile Silva; Lima, Isabel Maria Sampaio Oliveira.
Título:Participação juvenil e promoção da saúde: estratégia de desenvolvimento humano / Youth participation and health promotion: strategy for human development
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;21(3):859-866, 2011
Resumo em português: A participação juvenil tem sido investigada em vários campos do conhecimento. Embora a literatura aborde aspectos relativos às dimensões psicológica, educacional e cívica, a tendência não tem sido a de relacioná-las à perspectiva da saúde. O objetivo é analisar como práticas participativas promovem processos desenvolvimentais saudáveis. Foram consultadas as bases de dados Sage, Scielo, Lilacs e Dialnet e coletados artigos publicados no período de 1999 a 2011. A revisão da literatura articula a participação à promoção da saúde mediante a aprendizagem de competências que engendram o empowerment - preparando o jovem para conduzir sua vida. A participação pode ser entendida como uma socialização consciente e propositiva mediante a qual valores são aprendidos e práticas democráticas são assimiladas facultando a atuação na esfera pública. Enquanto domínio de autopromoção, a participação capacita o jovem à autogestão da vida a partir da constituição do projeto existencial: oportunidade para definir seu modo de ser como estratégia de autocuidado. Conclui-se que a participação conforma um mecanismo formativo que impulsiona uma reflexividade cognoscitiva, mediadora da autonomia e da autoria do jovem.(AU)
Descritores DECS:Adolescente
Socialização
Autonomia Pessoal
Promoção da Saúde
Autocuidado
Desenvolvimento Humano
 -Qualidade de Vida
 Educação
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Descritores Psi Português:JOVENS
SOCIALIZAÇÃO
CIDADANIA
PROMOÇÃO DA SAÚDE
AUTONOMIA
QUALIDADE DE VIDA
Descritores Psi Inglês:YOUNG ADULTS
SOCIALIZATION
CITIZENSHIP
HEALTH PROMOTION
AUTONOMY
QUALITY OF LIFE
Descritores Psi Espanhol:JOVENES
SOCIALIZACIÓN
CIUDADANÍA
PROMOCIÓN DE LA SALUD
AUTONOMÍA
CALIDAD DE VIDA
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822011000300012


  29 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48894
Autor:Ramos, Luciane; Ferreira, Eleonora Arnaud Pereira.
Título:Fatores emocionais, qualidade de vida e adesão ao tratamento em adultos com diabetes tipo 2 / Emotional factors, life quality and adhesion of treatment in adult with diabetes type 2
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;21(3):867-877, 2011 tab
Resumo em português: Este estudo tem como objetivo verificar a relação entre fatores emocionais (estresse, ansiedade e depressão), qualidade de vida e adesão ao tratamento em adultos com diabetes tipo 2. Participaram 30 pacientes (18 mulheres e 12 homens) entre 33 e 59 anos de idade, matriculados no programa Hiperdia de uma Unidade Básica de Saúde. Os instrumentos utilizados foram os inventários de ansiedade e de depressão de Beck, o inventário de Sintomas de Stress de Lipp (ISSL) e o Questionário geral de saúde e qualidade de vida (SF-36). A adesão ao tratamento foi medida por meio do último resultado do exame de hemoglobina glicada. Os resultados mostraram não haver correlação entre fatores emocionais e adesão ao tratamento. Contudo verificou-se correlação significativa entre tempo de diagnóstico do diabetes e adesão, sugerindo que quanto maior o tempo que o participante apresentava a doença, maior a dificuldade em manter os níveis glicêmicos estabilizados e aderir às orientações prescritas. Observou-se também correlação positiva entre baixa adesão e estrutura familiar. Os resultados sugerem que outros fatores, além dos emocionais, devem ser considerados na análise da adesão ao tratamento.(AU)
Descritores DECS:Diabetes Mellitus Tipo 2
Estresse Psicológico
Ansiedade
Depressão
Qualidade de Vida
Tratamento Primário
 -Sintomas
 Família
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Descritores Psi Português:DIABETES MELLITUS
DISTÚRBIOS ENDÓCRINOS
STRESS
DEPRESSÃO
DISTÚRBIOS DA ANSIEDADE
Descritores Psi Inglês:DIABETES MELLITUS
ENDOCRINE DISORDERS
STRESS
DEPRESSION
ANXIETY DISORDERS
Descritores Psi Espanhol:DIABETES MELLITUS
TRASTORNOS ENDÓCRINOS
ESTRÉS
DEPRESIÓN
TRASTORNOS DE LA ANSIEDAD
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822011000300013


  30 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48893
Autor:Souza, Orivaldo Florencio de; Farias, Edson dos Santos.
Título:Magreza e sobrepeso em escolares de Rio Branco, AC, Brasil / Underweight and overweight in school children from Rio Branco, Acre State, BraziL.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;21(3):878-882, 2011 graf, tab.
Resumo em português: Este estudo transversal investigou a prevalência de magreza e sobrepeso em escolares de Rio Branco, Acre, baseando-se nos padrões de crescimento infantil da OMS de 2007. Foram avaliados 706 escolares de 8 a 14 anos matriculados nas 3ª e 4ª séries de escolas públicas. Os escolares foram avaliados em faixas etárias de 8 a 9 anos, 10 a 11 anos e 12 a 14 anos. A prevalência geral de sobrepeso foi de 17,6 por cento (17,3 por cento meninos e 17,8 por cento meninas) e a magreza foi abaixo de 3,0 por cento, o que é um nível aceitável na população. Conclui-se que o sobrepeso está emergindo como um sério problema de saúde pública em escolares de ensino fundamental de escolas públicas da área urbana de Rio Branco, Acre.(AU)
Descritores DECS:Estado Nutricional
Magreza
Obesidade
Índice de Massa Corporal
Estudantes
Ensino Fundamental e Médio
Saúde Pública
 -Estudos Transversais
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adolescente
Descritores Psi Português:ESTUDANTES DE ENSINO FUNDAMENTAL
CRIANÇAS EM IDADE ESCOLAR
ÍNDICE DE MASSA CORPORAL
DISTÚRBIOS DO ATO DE COMER
OBESIDADE
Descritores Psi Inglês:ELEMENTARY SCHOOL STUDENTS
SCHOOL AGE CHILDREN
BODY MASS INDEX
EATING DISORDERS
OBESITY
Descritores Psi Espanhol:ESTUDIANTES DE 1ER GRADO
NIÑOS EN EDAD ESCOLAR
ÍNDICE DE MASA CORPORAL
TRASTORNOS DE LA INGESTIÓN DE ALIMENTOS
OBESIDAD
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822011000300014


  31 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48892
Autor:Scorsolini-Comin, Fabio; Manzi-Oliveira, Alana Batistuta; Casarini, Karin Aparecida; Jacquemin, Roberta Cury; Santos, Manoel Antônio dos.
Título:Avaliação de programas de intervenção com adolescentes: limites, avanços e perspectivas / Evaluation of intervention programs with adolescents: limits, progress and prospects
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;21(3):883-893, 2011 tab
Resumo em português: O objetivo é descrever o estado da arte da avaliação de programas de intervenção junto a adolescentes. Por meio de uma revisão da literatura, foram recuperados seis artigos publicados entre 2008 e 2010. Destes, quatro são de caráter empírico, um teórico e uma revisão, sendo que a maioria das publicações é de autores norte-americanos. Os estudos abordam instrumentos e métodos utilizados na avaliação de programas e buscam uma articulação entre pesquisa e prática. Quanto à abordagem metodológica, predominam pesquisas qualitativas. Os estudos indicam um interesse vinculado ao desenvolvimento e aperfeiçoamento de intervenções junto aos adolescentes e uma sofisticação da discussão crítica das pesquisas de descrição de indicadores de eficácia. Entre as contribuições, destaca-se a consideração do contexto para pesquisas de avaliação e sua potencial relação com a melhoria dos programas de intervenção. Os resultados podem ser vistos como norteadores para profissionais da área, fomentando a construção de práticas e conhecimentos sobre o papel do avaliador.(AU)
Descritores DECS:Adolescente
Avaliação de Programas e Projetos de Saúde
Avaliação
Pesquisa Qualitativa
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Descritores Psi Português:AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA
AVALIAÇÃO DE PROGRAMA
MODO DE VIDA
REVISÃO DE LITERATURA
PESQUISA QUALITATIVA
Descritores Psi Inglês:PSYCHOLOGICAL ASSESSMENT
PROGRAM EVALUATION
LIFESTYLE
LITERATURE REVIEW
QUALITATIVE RESEARCH
Descritores Psi Espanhol:EVALUACIÓN PSICOLÓGICA
EVALUACIÓN DE PROGRAMA
ESTILO DE VIDA
INVESTIGACIÓN CUALITATIVA
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822011000300015


  32 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48885
Autor:Rolim Neto, Modesto Leite; Silva, Thalita do Nascimento; Assunção Filho, José Kleber Mota; Carvalho, Rebeca de Sousa; Teixeira, Saulo Araújo; Lima, Nádia Nara Rolim; Pedroso, Daniela; Cartaxo, Jesus de Souza; Demarzo, Marcelo Marcos Piva; Duarte Júnior, Jesualdo Alves; Reis, Alberto Olavo Advíncula.
Título:Depressão infantil e desenvolvimento psicocognitivo: descrição das relações de causalidade / Childhood depression and psychocognitive development: description of causality relationships
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;21(3):894-898, 2011 tab
Resumo em português: Alterações de humor e distúrbios de saúde mental têm reconhecida influência no comportamento social, familiar e escolar de crianças e adolescentes. A incidência desses transtornos tem apresentado a tendência de aumento em todo o mundo e seu diagnóstico precoce aventa discussões a respeito da interferência dessas patologias no processo natural de desenvolvimento psicocognitivo de seus portadores. Este estudo pretende descrever como a depressão infantil interfere no desenvolvimento cognitivo, a partir de alterações na esfera psicocognitiva. Para tal, foram consultadas as bases de dados da SciELO e da Bi-blioteca Virtual de Saúde (BVS) no período de 2006 a 2011, utilizando os termos "depressão", "infantil" e "desenvolvimento". Após seleção dos resultados, oito artigos foram usados para a elaboração deste trabalho. Os resultados evidenciaram que a depressão infantil repercute negativamente no desenvolvimento cognitivo infantil. Transtornos psíquicos fazem a criança reconhecer-se como incapaz e expressar sentimentos de vergonha, indefinição, baixos níveis de autoestima e distanciamento das demandas da aprendizagem. O profissional de educação deve estar apto a reconhecer essas alterações manifestadas no ambiente escolar. A análise dos estudos mostrou que um ambiente externo saudável possibilita adequada maturação do sistema cognitivo e protege a criança da depressão infantil. Enquanto a maioria dos estudos sugere relação causal entre depressão e dificuldade cognitiva, outros estudos mostram a relação inversa, em que a baixa cognição gera sintomas de depressão. A dificuldade de aprendizagem e a depressão infantil podem coexistir sem que haja, necessariamente, uma relação de causalidade entre si. Dessa forma, faz-se necessário o diagnóstico precoce a fim de que as modificações do desenvolvimento cognitivo possam ser reparadas, sem maiores injúrias para as crianças acometidas.(AU)
Descritores DECS:Transtornos do Comportamento Infantil
Depressão
Saúde Mental
Desenvolvimento Infantil
Transtornos de Aprendizagem
Transtornos Cognitivos
 -Diagnóstico Precoce
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adolescente
Descritores Psi Português:DESENVOLVIMENTO INFANTIL
DESENVOLVIMENTO COGNITIVO
DEPRESSÃO INFANTIL
SAÚDE MENTAL
DISTÚRBIOS DO COMPORTAMENTO
Descritores Psi Inglês:CHILDHOOD DEVELOPMENT
COGNITIVE DEVELOPMENT
CHILD DEPRESSION
MENTAL HEALTH
BEHAVIOR DISORDERS
Descritores Psi Espanhol:DESARROLLO INFANTIL
DESARROLLO COGNITIVO
DEPRESIÓN INFANTIL
SALUD MENTAL
TRASTORNOS DE LA CONDUCTA
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822011000300016


  33 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48394
Autor:Feferbaum, Rubens; Leone, Claudio; Nogueira, Rosemeire Casanova; Cavalcanti, Patricia Neri; Cardoso, Eduardo Blanco; Serra, Monica Allende.
Título:A 10-month anthropometric and bioimpedance evaluation of a nutritional education program for 7-14 year old students.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;22(3):283-290, 2012 tab.
Resumo em português: A prevalência do excesso de peso na infância aumentou nas últimas décadas. Considerando a relevância da escola na promoção da saúde, intervenções educativas individualizadas neste ambiente são necessárias. O presente estudo teve por objetivo determinar a influência de um programa de educação nutricional na promoção de hábitos alimentares saudáveis e no estado nutricional de alunos em idade escolar. Avaliaram-se 416 crianças e adolescentes, entre 7 e 14 anos, que frequentavam duas escolas públicas de educação complementar. A intervenção por 10 meses, realizada em uma das escolas, baseou-se na prática de atividades em educação nutricional destinadas a alunos, responsáveis legais e equipe escolar, com substanciais modificações do cardápio. Avaliou-se o peso, estatura, IMC, massa magra e massa gorda, nos grupos de intervenção (escola 1) e controle (escola 2). No início do estudo registrou-se respectivamente excesso de peso em ambas as escolas (34,0 e 28 por cento) e também de obesidade (16,9 e 10,4 por cento); com redução significativa desta última ao final do estudo (p = 0,001). Em relação ao crescimento dos alunos, este foi normal para a faixa etária nas duas escolas, sendo superior na escola 1 (p = 0,04). A composição corporal obtida por impedância bioelétrica registrou aumento da massa magra nas escolas 1 e 2 (p 0,01), acompanhada de aumento da massa gorda apenas na escola 2 (p
Resumo em inglês: Over the past several decades, an increasing prevalence of excessive weight has been observed among children. Considering the importance of schools in promoting health, the implementation of individualized educational interventions in a school setting is necessary. The present study aimed to determine the influence of a nutritional education program in promoting the healthy eating habits and nutritional status of school-aged students. A total of 416 children and adolescents between 7 and 14 years of age who were enrolled in 2 complementary public schools were evaluated. A 10-month intervention in one of the schools was based on a nutritional education program targeting the students, legal guardians and school staff and involved substantial changes in the school meal menu. Weight, height, BMI, lean mass and body fat mass were evaluated in both the intervention (school 1) and the control (school 2) groups. At the beginning of the study, both school 1 and 2 exhibited a prevalence of overweight (34.0% and 28%, respectively) and obese students (16.9% and 10.4%, respectively); obesity was significantly reduced by the end of the study (p = 0.001). The growth of the students was considered normal for the age range in both schools, although it was slightly larger in school 1 (p = 0.04). Measurements of body composition, which were collected using bioelectrical impedance, indicated an increase in lean mass in both schools (p 0.01) with an increase in body fat mass being observed only in school 2 (p
Descritores DECS:Obesidade
Alimentação Escolar
Educação Alimentar e Nutricional
Composição Corporal
Promoção da Saúde
 -Estudantes
 Hábitos Alimentares
 Índice de Massa Corporal
 Impedância Elétrica
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adolescente
Descritores Psi Português:OBESIDADE INFANTIL
CRIANÇAS EM IDADE ESCOLAR
COMPORTAMENTO ALIMENTAR
ALIMENTAÇÃO INFANTIL
Descritores Psi Inglês:OBESITY IN CHILDREN
SCHOOL AGE CHILDREN
EATING BEHAVIOR
FEEDING OF CHILDREN
Descritores Psi Espanhol:OBESIDAD INFANTIL
NIÑOS EN EDAD ESCOLAR
CONDUCTA ALIMENTARIA
ALIMENTACIÓN INFANTIL
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822012000300002&lng=pt&nrm=iso&tlng=en


  34 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48393
Autor:Okido, Aline Cristiane Cavicchioli; Hayashida, Miyeko; Lima, Regina Aparecida Garcia.
Título:Profile of technology-dependent children in Ribeirão Preto-SP.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;22(3):291-296, 2012 tab.
Resumo em português: Estudo descritivo, exploratório, com abordagem quantitativa que objetivou caracterizar crianças dependentes de tecnologia, residentes em Ribeirão Preto - SP, com relação às condições de gestação e nascimento, origem das necessidades especiais de saúde e demandas de cuidados. Participaram 102 mães ou responsáveis. Os dados foram obtidos no período de janeiro a abril de 2011, mediante aplicação de formulário, durante visita domiciliar. Os resultados revelaram que 57 por cento das crianças são do sexo masculino; a faixa etária predominante foi de 1 a 4 anos; 7,8 por cento das mães não fizeram acompanhamento pré-natal; 96 por cento nasceram em instituições hospitalares; 63,7 por cento de parto cesárea e a prematuridade ocorreu em 29,3 por cento dos casos. Quanto à origem das necessidades especiais de saúde, 65,7 por cento possuíam algum problema congênito, 30,4 por cento tiveram intercorrências durante o parto e ou no período neonatal e 30,4 por cento apresentaram intercorrências ao longo da vida, definidas como causas adquiridas. Quanto às demandas de cuidados especiais, todas apresentam demanda de cuidado tecnológico, 92 necessitam de cuidado medicamentoso, 74 requerem cuidado de desenvolvimento e 102 cuidados habituais modificados. O estudo aponta dados relevantes para ampliar a visibilidade dessa clientela nas taxas oficiais e nas políticas públicas de forma a assegurar uma assistência qualificada e integral.(AU)
Resumo em inglês: The aim of this descriptive and exploratory research with a quantitative approach was to characterize technology-dependent children living in Ribeirão Preto - SP regarding gestation and birth conditions, origin of the special health needs and care demands. Participants were 102 mothers or responsible caregivers. Data were collected between January and April 2011 through the application of a form during home visits. The results revealed that 57% of the children are male; the predominant age range was between 1 and 4 years; 7.8% of the mothers had no prenatal follow-up; 96% were born in hospitals; 63.7% through c-section and, in 29.3% of cases, the children were premature. As for the origin of the special health needs, 65.7% had some congenital problem, 30.4% experienced problems during delivery and/or in the neonatal period and 30.4% experienced problems during the lifetime, defined as acquired causes. Regarding special care demands, all children display technological care demands, 92 need medication care, 74 developmental care and 102 modified habitual care. The study appoints relevant data to broaden these clients' visibility in official rates and public policies, so as to guarantee qualified and comprehensive care delivery.(AU)
Descritores DECS:Enfermagem Pediátrica
Bem-Estar da Criança
Assistência à Saúde
Doença Crônica
Imunização
 -Estudos Transversais
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Descritores Psi Português:CUIDADOS DE ENFERMAGEM
SERVIÇOS DE SAÚDE PÚBLICA
SAÚDE INFANTIL
BEM-ESTAR DA CRIANÇA
Descritores Psi Inglês:NURSING CARE
PUBLIC HEALTH SERVICES
CHILD HEALTH
CHILD WELFARE
Descritores Psi Espanhol:ATENCIÓN DE ENFERMERIA
SERVICIOS DE SALUD PÚBLICA
SALUD INFANTIL
BIENESTAR DEL NIÑO
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822012000300003&lng=pt&nrm=iso&tlng=en


  35 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48392
Autor:Coppede, Aline Cirelli; Okuda, Paola Matiko Martins; Capellini, Simone Aparecida.
Título:Performance of children with learning difficulties in fine motor function and handwriting.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;22(3):297-306, 2012.
Resumo em português: OBJETIVOS: este estudo teve por objetivos caracterizar e comparar o desempenho da função motora fina, sensorial e perceptiva e a qualidade da escrita entre escolares com dificuldades de aprendizagem e escolares com bom desempenho acadêmico. MÉDODOS: participaram desse estudo 192 crianças na faixa etária de 7 a 11 anos de idade, de ambos os gêneros, da 1ª à 4ª série de escolas públicas municipais. Os escolares foram distribuídos em: GI, GII, GIII e GIV, compostos de 96 escolares com dificuldade de aprendizagem, e GV, GVI, GVII e GVIII, compostos de 96 escolares com bom desempenho acadêmico. Os escolares foram submetidos à avaliação da função motora fina, sensorial e perceptiva e avaliação da escrita sob ditado. RESULTADOS: os resultados revelaram que os que os escolares com dificuldades de aprendizagem da 1ª à 3ª série obtiveram desempenho inferior em provas de função motora fina, sensorial e perceptiva, quando comparados com escolares sem dificuldades de aprendizagem na mesma série escolar; os escolares da 4ª série de ambos os grupos não apresentaram alterações em função motora fina, sensorial e perceptiva; e somente os escolares do GII apresentaram disgrafia. CONCLUSÃO: Os resultados apresentados neste estudo sugerem que aspectos qualitativos das habilidades motoras finas, sensoriais e perceptivas refletem a integridade e a maturidade do sistema nervoso central e podem, provavelmente, exercer um importante papel no diagnóstico precoce de desordens do desenvolvimento e consequentemente prevenir desordens acadêmicas como o desempenho na escrita, por exemplo.(AU)
Resumo em inglês: AIMS: This study aimed to compare and characterize the fine, sensory and perceptive function performance and handwriting quality between students with learning difficulties and students with good academic performance. METHODS: This study comprised 192 students from 2nd to 4th grades, both genders, whose ages ranged from 7 to 11 years old. The students were distributed into: GI, GII, GIII and GIV, comprising 96 students with learning difficulties, and groups GV, GVI, GVII, GVIII comprising 96 students with good academic performance. The students were submitted to evaluation of fine motor, sensorial and perception functions and handwriting evaluation under dictation. RESULTS: The results showed that the students with learning difficulties, from 1st to 3rd grade, had lower performance on tests of fine motor, sensory and perceptive function, when compared to the students with good academic performance in the same grade; the students from 4th grade, both groups, did not show changes on fine motor, sensory and perceptive function; and only the students of GII showed dysgraphia. CONCLUSIONS: the results presented in this study suggest that the qualitative aspects of fine motor, sensory and perceptive skills reflect the integrity and maturity of central nervous system and can probably play an important role in early diagnosis of development disorders and consequently prevent academic disorders such as handwriting performance.(AU)
Descritores DECS:Aprendizagem
Desenvolvimento Infantil
Desempenho Psicomotor
Escrita Manual
Avaliação
 -Estudantes
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adolescente
Descritores Psi Português:DISTÚRBIOS DA APRENDIZAGEM
PSICOMOTRICIDADE
APRENDIZAGEM
AGRAFIA
HABILIDADES PARA ESCRITA
Descritores Psi Inglês:LEARNING DISABILITIES
PSYCHOMOTRICITY
LEARNING
AGRAPHIA
WRITING SKILLS
Descritores Psi Espanhol:TRASTORNOS DEL APRENDIZAJE
PSICOMOTRICIDAD
APRENDIZAJE
AGRAFÍA
HABILIDADES PARA ESCRIBIR
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822012000300004&lng=pt&nrm=iso&tlng=en


  36 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48391
Autor:Souza, Orivaldo Florencio de; Macedo, Lucas Felipe de; Oliveira, Cristieli Sérgio de Menezes; Araújo, Thiago Santos de; Muniz, Pascoal Torres.
Título:Prevalence and associated factors to anaemia in children.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;22(3):307-313, 2012 tab, graf.
Resumo em português: Objetivos: Analisar a prevalência e os fatores associados à anemia em crianças de Rio Branco, Acre. Métodos: Participaram do estudo 610 crianças de 6 a 59 meses. Foi aplicado um questionário com questões sobre as características da mãe, práticas alimentares e morbidades pregressas. O diagnóstico de anemia baseou-se no valor de hemoglobina de 110 g/l. Na análise dos fatores associados foi utilizada a regressão de Poisson múltipla, com entrada das variáveis em blocos hierarquizados. Resultados: A prevalência de anemia foi de 51,8 por cento. Os fatores associados à anemia foram: idade abaixo de 24 meses: (razão de prevalência [RP]: 1,51; intervalo de confiança em 95 por cento [IC95 por cento]: 1,17-1,95); anos de estudo da mãe entre 5-8 anos (RP: 1,34; IC95 por cento: 1,13-1,58) e igual ou inferior a 4 anos (RP: 1,32; IC95 por cento: 1,05-1,65); situação de anemia da mãe (RP: 1,28; IC95 por cento:1,08-1,51); freqüência de consumo em menos de uma vez por semana de carnes (RP: 1,35; IC95 por cento:1,03-1,77) e frutas (RP: 1,28; IC95 por cento: 1,09-1,52). Conclusões: A prevalência de anemia em crianças de Rio Branco é um problema grave em saúde pública. Destaca-se a necessidade do fortalecimentode políticas em atenção à saúde da família e ao aconselhamento sobre as práticas alimentares voltadas a mãe.(AU)
Resumo em inglês: OBJECTIVES: to analyse the prevalence and factors associated with anaemia in children from Rio Branco, Acre. METHODS: the study included 610 children between 6 and 59 months old. A questionnaire was issued with questions on characteristics of the mother, feeding practices and antecedent morbidity. The anaemia diagnosis was based on haemoglobin levels at 110 g/l. Multiple Poisson regression was used to analyse the associated factors with variables entered into hierarchical blocks. RESULTS: the anaemia prevalence was 51.8%. The factors associated with anaemia were the following: age below 24 months (prevalence ratio [PR]: 1.51 and 95% confidence interval [95% CI]: 1.17 to 1.95); years of formal education for the mother between 5-8 years (PR: 1.34 and 95% CI: 1.13 to 1.58) and less than or equal to 4 years (PR: 1.32 and 95% CI: 1.05 to 1.65); anaemia in the mother (PR: 1.28 and 95% CI: 1.08 to 1.51); and consumption frequency less than once a week for meats (PR: 1.35 and 95% CI: 1.03 to 1.77) and fruits (PR: 1.28 and 95% CI: 1.09 to 1.52). CONCLUSIONS: the prevalence of anaemia among children in Rio Branco is a serious public health problem. The results highlight the need to strengthen policies on family health care and provide mothers with counselling on feeding practices.(AU)
Descritores DECS:Anemia
Bem-Estar da Criança
Saúde da Família
Estado Nutricional
Hábitos Alimentares
Fatores Epidemiológicos
Programas e Políticas de Nutrição e Alimentação
 -Estudos Transversais
 Criança
 Mães
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adolescente
Descritores Psi Português:SAÚDE INFANTIL
DOENÇAS ENDÊMICAS
ANEMIA
DEFICIÊNCIAS DA NUTRIÇÃO
Descritores Psi Inglês:CHILD HEALTH
ENDEMIC DISEASES
ANEMIA
NUTRITIONAL DEFICIENCIES
Descritores Psi Espanhol:SALUD INFANTIL
ENFERMEDADES ENDÉMICAS
ANEMIA
TRASTORNOS DE LA NUTRICIÓN
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822012000300005&lng=pt&nrm=iso&tlng=en


  37 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48390
Autor:Oliveira, Juliana Souza de; Campos, Tania Fernandes; Borja, Raíssa de Oliveira; Silva, Raphaella Oliveira Elias da; Freitas, Diana Amélia de; Oliveira, Laíse Chaves de; Mendonça, Karla Morganna Pereira Pinto de.
Título:Analysis of the rate of perceived exertion in the assessment of maximal respiratory pressures in children and adolescents.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;22(3):314-320, 2012 tab.
Resumo em português: OBJETIVO: Analisar o índice de percepção de esforço na avaliação das pressões respiratórias máximas de crianças e adolescentes. MÉTODO: Foram avaliadas 144 crianças e adolescentes saudáveis, de sete a onze anos, sendo 63 meninos e 81 meninas, estudantes das redes pública e privada. O instrumento utilizado foi o manovacuômetro digital MVD300 (Globalmed®, Porto Alegre - RS, Brasil). Foram realizadas no máximo nove manobras, com um minuto de descanso entre cada manobra e cinco minutos entre a medição das pressões inspiratórias e expiratórias máximas. A sensação de esforço percebido foi determinada através da escala de Borg e foi utilizada em quatro momentos: antes das medições das pressões respiratórias máximas, previamente sorteadas; imediatamente após a primeira medição sorteada; após cinco minutos de descanso e imediatamente após a última avaliação. RESULTADOS: O esforço percebido das crianças e adolescentes antes, imediatamente após e cinco minutos após a manovacuometria foi de 7,8±1,8; 9,6±2,5 e 8,5±2,3, respectivamente. Houve aumento significativo após a mensuração das pressões inspiratórias e expiratórias máximas (p 0,001). A quantidade de esforço diminuiu significativamente após cinco minutos de descanso da realização das pressões respiratórias máximas (p 0,05). A percepção de esforço foi semelhante para as crianças e adolescentes que realizaram até cinco ou mais manobras. CONCLUSÃO: A avaliação das pressões respiratórias máximas, em crianças e adolescentes, mostrou-se um método seguro quanto à percepção de esforço. Sugere-se que a análise do índice de esforço percebido possa ser prática frequente durante a avaliação da força muscular respiratória.(AU)
Resumo em inglês: OBJECTIVE: To analyze the rate of perceived exertion in assessing maximal respiratory pressures in children and adolescents. METHODS: We evaluated 144 healthy children and adolescents from seven to eleven years old, 63 boys and 81 girls, students from public and private schools. The instrument used was a digital manovacuometer MVD300 (Globalmed ®, Porto Alegre-RS, Brazil). A maximum of nine maneuvers were carried out, with one minute rest between each maneuver and five minutes between the measurement of maximal inspiratory and expiratory pressures. The rate of perceived effort was determined by Borg scale and was used at four different moments: before measuring maximal inspiratory and expiratory pressures, previously drawn; immediately after the first measurement; after five minutes of rest and immediately after the last assessment. RESULTS: The children and adolescents' perceived exertion before, immediately after and five minutes after assessment was 7.8 ± 1.8, 9.6 ± 2.5 and 8.5 ± 2.3, respectively. There was a significant increase after measuring maximal inspiratory and expiratory pressures (p 0.001). The amount of effort decreased significantly with five minutes of rest after maximal respiratory pressures (p 0.05). The perceived exertion was similar for children and adolescents who underwent up to five or more maneuvers. CONCLUSION: The assessment of maximal respiratory pressures in children and adolescents proved to be a safe method regarding perceived exertion. It is suggested that the analysis of the rate of perceived exertion may be a common practice during the evaluation of respiratory muscle strength.(AU)
Descritores DECS:Músculos Respiratórios
Teste de Esforço
Esforço Físico
Percepção
Pressão Positiva Contínua nas Vias Aéreas
 -Avaliação
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adolescente
Descritores Psi Português:SAÚDE INFANTIL
MÚSCULOS
PERCEPÇÃO
Descritores Psi Inglês:CHILD HEALTH
MUSCLES
PERCEPTION
Descritores Psi Espanhol:SALUD INFANTIL
MÚSCULOS
PERCEPCIÓN
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822012000300006&lng=pt&nrm=iso&tlng=en


  38 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48389
Autor:Alves, Rafael Leite; Freitas, Flávio Mariz; Fernandes, Alline Sancha Nascimento; Ferraz, Sabrina Campos; Silva, Edson da; Corrêa, Clynton Lourenço; Silva, Luciana Duarte Novais.
Título:Autonomic modulation and functional capacity in diabetes mellitus type 1 and 2 subjects.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;22(3):321-327, 2012 tab.
Resumo em português: OBJETIVOS: avaliar a variabilidade da frequência cardíaca (VFC) durante testes autonômicos cardiovasculares e a capacidade funcional de indivíduos com DM tipos 1 e 2. MÉTODO: foram avaliados 15 indivíduos com DM e 12 indivíduos saudáveis, durante a realização de testes autonômicos cardiovasculares de manobra de acentuação da arritmia sinusal respiratória (ASR), handgrip e valsalva. Além disso, foi aplicado o teste submáximo de Paschoal para avaliação da capacidade funcional. Durante a realização dos testes autonômicos foi coletada a variabilidade da frequência cardíaca (VFC), por meio do registro dos intervalos RR, considerando-se os índices no domínio do tempo (RMSSD e pNN50) e da freqüência, como baixa e alta freqüência (BF e AF) e a relação entre os mesmos (BF/AF). Além da análise da VFC, foi registrado a distância percorrida durante o Teste de Paschoal e a glicemia capilar. RESULTADOS: Os valores referentes à glicemia foram significativamente maiores (p 0,05) no grupo DM1 e DM2 comparados aos controles. Os valores de pNN50 para o DM1, em todos os testes realizados, foram menores em relação ao CDM1. Nenhuma diferença estatística foi encontrada quando comparados DM2 com o CDM2. A distância percorrida no teste de Paschoal foi similar entre os grupos de indivíduos com DM e seus respectivos controles. CONCLUSÃO: A variável pNN50 foi menor nos indivíduos com DM1, sugerindo redução da atividade parassimpática nesses indivíduos, porém sem alteração da capacidade funcional, avaliada pelo teste de Paschoal quando comparados ao grupo controle.(AU)
Resumo em inglês: OBJECTIVES: Evaluation of heart rate variability (HRV) during cardiovascular autonomic tests and functional capacity of patients with type 1 and type 2 DM. METHODS: Fifteen individuals with DM and twelve healthy ones were evaluated during cardiovascular autonomic tests of maneuver enhancement of respiratory sinus arrhythmia (RSA), handgrip and Valsalva. In addition, the Paschoal test was applied to evaluate submaximal functional capacity. During the tests, autonomic heart rate variability (HRV) was collected by recording the RR intervals, considering the rates in the time domain (RMSSD and pNN50) and frequency domain, as low and high frequency (LF and HF) and the relationship between them (LF / HF). Besides the analysis of HRV and capillary glucose, the distance traveled during Paschoal test was also recorded. RESULTS: The values related to blood glucose levels were significantly higher (p 0.05) in DM1 and DM2 groups compared to controls. PNN50 values for DM1 in all tests were lower compared to CDM1. No statistical difference was found when compared DM2 with CDM2. The distance of Paschoal test was similar between groups of individuals with diabetes and their respective controls. CONCLUSION: The variable pNN50 was lower in individuals with DM1, suggesting reduced of the parasympathetic activity in these individuals, but no change in functional capacity, as measured by Paschoal test when compared to the control group.(AU)
Descritores DECS:Diabetes Mellitus
Arritmia Sinusal
Capacidade Residual Funcional
Índice Glicêmico
Frequência Cardíaca
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Descritores Psi Português:DISTÚRBIOS ENDÓCRINOS
DIABETES MELLITUS
DISTÚRBIOS DO CORAÇÃO
DOENÇA PSICOSSOMÁTICA
Descritores Psi Inglês:METABOLISM DISORDERS
DIABETES MELLITUS
HEART DISORDERS
Descritores Psi Espanhol:TRASTORNOS DEL METABOLISMO
DIABETES MELLITUS
CARDIOMIOPATÍAS
ENFERMEDAD PSICOSOMÁTICA
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822012000300007&lng=pt&nrm=iso&tlng=en


  39 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48388
Autor:Souza, Naiara Maria de; Rossi, Renata Claudino; Vanderlei, Franciele Marques; Vitor, Ana Laura Ricci; Bernardo, Aline Fernanda Barbosa; Gonçalves, Ana Clara Campagnolo Real; Ferreira, Lucas Lima; Vanderlei, Luiz Carlos Marques.
Título:Heart rate variability in obese children.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;22(3):328-333, 2012 tab.
Resumo em português: INTRODUÇÃO: nos últimos anos, diversos estudos analisaram o comportamento do sistema nervoso autônomo (SNA) frente à obesidade e utilizaram, para esta análise, a variabilidade da frequência cardíaca (VFC). Embora descrito na literatura que adultos obesos apresentam disfunções do SNA, faltam informações referentes a crianças obesas e os achados existentes ainda são inconclusivos. OBJETIVO: reunir estudos que abordem a análise do SNA, por meio da VFC, em crianças obesas para melhor compreender a influência da obesidade sobre esse sistema nessa população e fornecer uma atualização dos achados publicados nos últimos onze anos referentes ao tema. MÉTODO: a busca dos artigos foi realizada nas bases de dados Pubmed, Ibecs, Medline, Scielo, Cochrane e Lilacs por meio dos seguintes descritores da área da saúde (DeCS): frequência cardíaca, sistema nervoso autônomo, obesidade, criança e sistema nervoso simpático e suas respectivas versões na língua inglesa (MeSH). RESULTADOS: a busca resultou em 11 artigos, os quais demonstraram que, em geral, crianças obesas apresentam menor atividade do SNA parassimpático e os resultados são inconclusivos para a atividade simpática. Além disso, intervenções como dieta e atividade física podem melhorar a condição de atuação do SNA nessas crianças. CONCLUSÃO: crianças obesas apresentam modificações na atuação do SNA, o que demonstra a necessidade de atenção precoce a esta população para evitar complicações futuras.(AU)
Resumo em inglês: INTRODUCTION: in recent years, several studies have performed the behavior of ANS on obesity by the heart rate variability (HRV). The literature describes that obese adults have dysfunctions on ANS, nevertheless there is a few information with childhood obesity and the findings are still inconclusive. OBJECTIVE: gathering studies that approach the analysis of the ANS by HRV in obese children to understand better the influence of obesity on this system and in this population and provide an update of the findings published in the last eleven years. METHODS: the search of articles was conducted on Pubmed, Ibesc, Medline, Scielo, Cochrane and Lilacs databases using the keywords: heart rate, autonomic nervous system, obesity, child and sympathetic nervous system of health subject headings (MeSH). RESULTS: the electronic search resulted in 11 articles and, in general, showed a decrease in activity of the parasympathetic branch of obese children and inconclusive results by the sympathetic branch. Moreover, interventions as diet and physical activity "could increase the ANS function in these children. CONCLUSION: obese children have changes on ANS function and this presents the necessity of precocious attention aims at avoiding future complications.(AU)
Descritores DECS:Obesidade
Sistema Nervoso Autônomo
Sistema Nervoso Parassimpático
Frequência Cardíaca
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Descritores Psi Português:OBESIDADE INFANTIL
SISTEMA NERVOSO AUTÔNOMO
SISTEMA NERVOSO PARASSIMPÁTICO
Descritores Psi Inglês:OBESITY IN CHILDREN
AUTONOMIC NERVOUS SYSTEM
PARASYMPATHETIC NERVOUS SYSTEM
Descritores Psi Espanhol:OBESIDAD INFANTIL
SISTEMA NERVIOSO AUTÓNOMO
SISTEMA NERVIOSO PARASIMPATICO
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822012000300008&lng=pt&nrm=iso&tlng=en


  40 / 656 INDEXPSI  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id:48387
Autor:Pereira, Paulo Estevão; Malfitano, Ana Paula Serrata.
Título:Methodological routes to apprehend universes of adolescents and youngsters: a focus on the drug issue.
Fonte:Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;22(3):334-340, 2012.
Resumo em português: INTRODUÇÃO: o tema drogas vem ganhando relevância especialmente em relação às juventudes pobres, identificadas como em maior vulnerabilidade a esta questão. No entanto, ações propostas, especialmente pelos serviços de saúde, têm se mostrado limitadas em atender a demandas específicas dessa população, traduzindo-se na baixa adesão aos serviços. Decorre de que o emprego de metodologias de pesquisa baseadas apenas em dados clínicos, estatísticos e/ou epidemiológicos, no estudo das juventudes pobres, não é suficiente para apreender os contextos sociais diversos, suas vivências singulares, tampouco sua compreensão acerca dos fenômenos que vivem, exigindo metodologias mais apropriadas. OBJETIVO: discutir o uso de metodologias de pesquisa participativas na apreensão dos universos juvenis. MÉTODO: utilizou-se dados de uma pesquisa qualitativa entre jovens pobres, frequentadores de um Centro da Juventude, no interior do Estado de São Paulo, empregando como recursos metodológicos: observação participante durante nove meses; entrevistas com nove jovens, ambos os sexos, entre 15 e 29 anos, e realização de oficinas de atividades, com as temáticas da pesquisa. As contribuições da Terapia Ocupacional Social constituíram o embasamento teórico do estudo. RESULTADOS: o emprego de metodologias participativas na apreensão do universo dos sujeitos estudados nos permitiu acessar conteúdos e significados sobre a visão deles acerca das drogas. DISCUSSÃO: a temática das drogas e sua inserção no cotidiano de jovens pobres aparecem carregadas de nuances não percebidas, ou não acessadas pelos serviços, levando-nos a considerar a necessidade de apreender a experiência juvenil de uma perspectiva ampliada, se quisermos fazer frente a tais questões.(AU)
Resumo em inglês: INTRODUCTION: the drug issue has been gaining importance especially with respect to deprived youths, identified as very vulnerable to this matter. However, actions proposed, mostly by health services, have not been able to meet the specific demands of this population, leading to low adherence to services. It turns out that the application of research methodologies based only on clinical, statistical and/or epidemiological data, in the study of poor youths, is not enough to apprehend the diverse social contexts, their singular experiences, either their understanding of these phenomena, requiring most appropriate methods. OBJECTIVE: discuss the use of participatory research methodologies to apprehend youth universes. METHODS: data from a qualitative research among poor youngsters who attend a Youth Center ("Centro da Juventude") in a midsize city of the State of Sao Paulo were used, applying the following methodological resources: participatory observation for nine months; interviews with nine youngsters - young men and women, aged 15 to 29; and workshops on the research themes. The contributions of Social Occupational Therapy were the theoretical framework for this study. RESULTS: the application of participatory methodologies to apprehend people's universes allowed for the access of contents and meanings about their perceptions on drugs. DISCUSSION: The theme of drugs and its insertion in the lives of these deprived youngsters emerged full of nuances not yet perceived or accessed by health services. Therefore, it is worth considering the necessity to apprehend the youth experience in an expanded perspective, if these issues are to be faced.(AU)
Descritores DECS:Drogas Ilícitas
Vulnerabilidade a Desastres
Condições Sociais
Fatores Socioeconômicos
Terapia Ocupacional
 -Pesquisa Qualitativa
 Entrevistas como Assunto
Limites:Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Descritores Psi Português:JOVENS
DROGAS
TOXICÔMANOS
PROBLEMAS SOCIAIS
NÍVEL SOCIOECONÔMICO
VULNERABILIDADE
Descritores Psi Inglês:YOUNG ADULTS
DRUGS
DRUG ADDICT
SOCIAL ISSUES
SOCIOECONOMIC STATUS
VULNERABILITY
Descritores Psi Espanhol:JOVENES
DROGAS
TOXICÓMANOS
PROBLEMAS SOCIALES
NIVEL SOCIOECONÓMICO
VULNERABILIDAD
Meio Eletrônico:http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822012000300009&lng=pt&nrm=iso&tlng=en



página 1 de 17 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : INDEXPSI Formulário avançado   
Pesquisar por : Formulário livre   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           
Search engine: iAH v2.6.1 powered by WWWISIS
BIREME/PAHO/WHO - Latin American and Caribbean Center on Health Sciences Information